Brian Laundrie Gabby Petito

Caso Gabby Petito: Corpo de Brian Laundrie, ex-noivo da youtuber, foi comido por crocodilos em tragédia, diz jornal

Segundo o jornal The Mirror, Brian Laundrie, ex-noivo da youtuber Gabby Petito, teve seu corpo parcialmente comido por crocodilos e porcos selvagens, depois de cometer suicídio. O corpo do jovem foi encontrado na Reserva Natural Carlton, perto de sua casa em North Port, Flórida, em 20 de outubro.

Segundo a publicação, os médicos legistas responsáveis pela investigação chegaram à essa conclusão após examinarem tudo com mais detalhes. O tabloide relatou que apesar da dificuldade de reconhecimento, um exame de registros dentários foi necessário para comprovar que era mesmo Brian. O jovem ficou semanas desaparecido, após ser apontado como “pessoa de interesse” pelas autoridades norte-americanas na investigação da morte de sua ex-noiva.

Para a imprensa, o advogado da família de Brian Laundrie, Steve Bertolini, explicou que o laudo mostrado para os pais do jovem determinava a causa de sua morte como suicídio. “Chris e Roberta Laundrie foram informados que a causa da morte foi um ferimento à bala na cabeça e a forma de morte foi suicídio. Chris e Roberta ainda estão de luto pela perda de seu filho e têm esperança de que essas descobertas tragam um desfecho para ambas as famílias”, escreveu o profissional, referindo-se também à morte da youtuber.

Brian Laundrie e Gabby Petito registraram sua viagem de van ao redor dos Estados Unidos no YouTube. (Foto: Reprodução / Instagram)

Relembre o caso

Gabby Petito passou o verão do hemisfério norte (entre junho e agosto) viajando pelo oeste dos Estados Unidos com o então noivo, Brian Laundrie. A dupla documentou suas aventuras nas redes sociais e, ainda, em vídeos divulgados no YouTube. No entanto, no dia 1º de setembro, Laundrie voltou sozinho para sua casa na Flórida. A partir daí, a família da influencer não conseguiu mais entrar em contato com ela. No dia 11 de setembro, os pais da jovem denunciaram seu desaparecimento às autoridades.

Continua depois da Publicidade

Após uma extensa busca, os restos mortais da youtuber foram encontrados em 19 de setembro. De acordo com a perícia, a youtuber foi assassinada cerca de quatro semanas antes de seu corpo ser localizado no Parque Nacional Bridger-Teton. A causa da morte, por sua vez, teria sido estrangulamento. Após a necrópsia, a possibilidade de uma gravidez também foi descartada.

Segundo a mãe de Gabby, Nichole Schmidt, e seu padrasto Jim Schmidt, o corpo da jovem estava em Wyoming, onde a van dela e do noivo foi vista pela última vez. Brian, até então, era considerado apenas como uma “pessoa de interesse” no caso. No entanto, ele desapareceu após se recusar a cooperar com as investigações.

omem que se encaixa na descrição de noivo "desaparecido" da youtuber foi visto na Flórida (Foto: Reprodução/ Sam Bass)
Homem que se encaixa na descrição de noivo “desaparecido” da youtuber foi visto na Flórida (Foto: Reprodução/ Sam Bass)

Continua depois da Publicidade

O suposto desaparecimento só foi registrado pelos pais de Laundrie três dias após o ocorrido e, desde então, Brian permanecia foragido. Seus familiares disseram acreditar que ele fez uma caminhada numa reserva natural perto de sua casa em North Port, Flórida, e não voltou mais. Apesar de não ter sido acusado oficialmente pela morte da noiva, Brian seguia como o principal suspeito da morte da youtuber. Ele também foi indiciado por usar duas contas financeiras que não pertenciam a ele nos dias que sucederam a tragédia.

Brian Laundrie e Gabby Petito. (Foto: Reprodução / Instagram)