Reporter

Repórter alemã é demitida após se sujar de lama para fingir ajuda em comunidade inundada: “Cometi um erro grave” – assista

Neste sábado (24), a repórter alemã Susanna Ohlen, de 39 anos, foi demitida pela emissora de TV RTL, após ser flagrada se sujando de lama para simular, em uma reportagem, que ajudava uma comunidade afetada pelas enchentes de temporais que atingiram a Europa na última semana. Lamentável…

Na matéria exibida pela RTL, Ohlen aparecia usando galochas, chapéu e luvas, enquanto segurava uma pá. Além disso, era possível ver manchas suaves de sujeira espalhadas pela pele e roupas da jornalista, dando a impressão de que ela teve contato com as áreas afetadas pela enchente.

Um residente local, entretanto, flagrou a comunicadora momentos antes de entrar no ar, provando que a “ajuda” da profissional não passou de uma encenação barata. No registro, Susanna aparece se inclinando até o chão, pegando um pouco de lama e espalhando pelo corpo. “Artigo: ‘Limpando após a enchente – apresentadora da RTL Susanna Ohlen dá uma mão em Bad Münstereifel’. O que de fato aconteceu…”, debochou o perfil Argo Nerd, no Twitter. Confira:

Não demorou para que o caso ganhasse grande repercussão. Exposta, a repórter acabou demitida da emissora onde trabalhava e publicou um pedido público de desculpas em sua conta do Instagram. “Cometi um erro grave na segunda-feira (19). Depois de ter ajudado a região nos dias anteriores, fiquei com vergonha de aparecer na TV com a roupa limpa naquele lugar. Então, sem pensar duas vezes, espalhei lama nas minhas roupas”, declarou.

“Como jornalista, eu jamais deveria ter feito algo assim. Mas me preocupo com o sofrimento de todos os afetados pela enchente. Sinto muito”, encerrou Ohlen, que estava na empresa há 13 anos. Ao jornal alemão Bild, a RTL informou que “a abordagem da repórter contradiz claramente os princípios jornalísticos e os nossos próprios padrões”. Veja a publicação da repórter abaixo: