Jinnkid Tiktoker Assassinato

TikToker é acusado de matar esposa e outro homem após descobrir suposta traição através de iPad da filha do casal; saiba detalhes

O tiktoker Ali Abulaban, mais conhecido como JinnKid nas redes sociais, foi preso na última quinta-feira (21). Ele foi acusado de matar a esposa e outro homem. O influencer, que tem quase 1 milhão de seguidores e 12 milhões de curtidas apenas no TikTok, disse não ser culpado pelo caso nesta segunda (25). Segundo uma promotora, antes disso, ele teria “espionado” as conversas da mulher.

De acordo com o The San Diego Union-Tribune, Ana Abulaban e um homem identificado como Rayburn Cardenas Barron foram achados mortos num apartamento, com feridas de tiros na parte superior do corpo. Pouco depois, Ali foi encontrado dirigindo seu carro. Ele passou por um interrogatório da polícia e acabou preso. Ontem, no primeiro dia de seu julgamento, ele recebeu duas acusações de homicídio doloso, mas alegou ser inocente.

Jinnkid Tiktoker Assassinato1
O tiktoker JinnKid, Ali Abulaban, disse ser inocente das acusações de assassinato. (Foto: Reprodução/Justiça dos EUA)

Espionagem e suspeita de traição

Durante a audiência, a promotora pública Taren Brast mencionou o que teria acontecido e revelou que uma suposta traição teria motivado o crime. Ana teria pedido que Ali deixasse o apartamento no dia 18 de outubro. Três dias depois, JinnKid teria aproveitado uma saída da mulher para entrar sorrateiramente na casa dela. Neste momento, ele teria instalado um dispositivo de escuta no iPad da filha deles, que tem 5 anos, e bagunçado todo o local.

Continua depois da Publicidade

Algum tempo depois, Ali teria ouvido Ana conversando com Rayburn e acusado a esposa de traição. Ele teria ido até o apartamento e atirado na cabeça da mulher, alvejando o homem logo na sequência. Segundo o jornal local, ele teria até mesmo confessado a situação para os detetives, antes de alegar sua inocência na Corte. As autoridades policiais relataram que o tiktoker queria fugir com a filha e teria ido até o colégio buscá-la. Mas os agentes o encontraram menos de uma hora depois, com a criança no carro e em posse de uma arma de fogo.

Jinn Kid1
JinnKid é conhecido por fazer imitações no TikTok, e soma mais de 12 milhões de curtidas. (Fotos: Reprodução/TikTok)

O The San Diego Union-Tribune afirma que um juiz ordenou a prisão de Ali Abulaban e que não tivesse direito à fiança. JinnKid também terá de ficar longe de sua filha, devido a uma medida protetiva.