Após se render ao estilo gospel, Kanye West diz que nunca mais cantará suas músicas antigas do jeito original; entenda!

A era gospel chega para todos, inclusive para Kanye West! Acredite se quiser… De acordo com o site TMZ, o cantor estaria 100% determinado em deixar para trás as letras polêmicas de seus discos anteriores. A decisão estaria ligada à nova fase profissional e pessoal do artista, que agora tem dado uma importância maior ao seu lado espiritual.

A publicação conversou com fontes próximas ao marido de Kim Kardashian, e elas garantiram que Kanye realmente fala sério quando diz que “não cantará nunca mais suas músicas antigas nos formatos originais”. A partir de agora, ele deve fazer adaptações nos trabalhos anteriores para que se adequem à sua nova identidade musical. Na sexta-feira (25), ele lançou o disco inédito “Jesus is King” (“Jesus é Rei” em tradução literal), fazendo uma mistura de letras inspiradas no evangelho com hip-hop, house music, rap e coral.

O disco é resultado do projeto que Kanye West vem liderando há algum tempo, o “Sunday Service”, em que ele se apresenta ao lado de um coral gospel, principalmente em cultos religiosos. Porém, a nova empreitada do artista não está sendo muito bem recebida por muitos fãs e pela crítica especializada. “O nono álbum de Kanye West contém lampejos de inspiração — divinos e outros — mas é apenas isso”, escreveu a revista Variety.

Kanye West fez um grande evento de lançamento do novo álbum em um cinema. Foto: Getty

Mesmo com tantas avaliações ruins, os informantes do site TMZ contaram que o cantor não tem se importado nenhum pouco com o que as pessoas estão dizendo; inclusive, graças à sua religião, ele “continuará a fazer as músicas que ELE quer”. De fato, Kanye West parece bem comprometido com as suas escolhas profissionais. Antes mesmo de liberar o disco inédito, ele anunciou que lançará a continuação “Jesus is Born” no dia 25 de dezembro deste de ano.

Ainda, o pai de North West revelou que voltará aos palcos com uma turnê nova. Mas, pelo visto, é melhor esperarem por uma setlist mais “abençoada”. A última vez que Kanye fez shows ao redor do mundo foi com a “Saint Pablo Tour”, em 2016, que foi encerrada de última hora devido um quadro de exaustão e instabilidade mental, que o levou a ser internado.