Harry

Fã de Harry Styles processa casa de shows e diz ter sofrido “ferimentos graves” na plateia de evento

Na ação, a mulher diz que além dela, outros espectadores correram perigo ao longo do espetáculo.

Uma fã de Harry Styles entrou com um processo contra a casa de espetáculos “The Forum”, alegando ter sofrido “ferimentos graves” durante um show do cantor. De acordo com o TMZ, que teve acesso à papelada, o episódio em questão teria acontecido em Los Angeles, Califórnia, no dia 13 de dezembro de 2019, data de estreia da turnê “Fine Line”.

A mulher, cujo nome não foi revelado, declara que em certo momento da noite, um grupo de pessoas correu em direção ao palco, fazendo com que ela fosse “esmagada e jogada no chão”. Na ação, ela ainda diz que sua qualidade de vida foi prejudicada em decorrência dos ferimentos “crônicos e debilitantes” que lhe foram causados.

Ao contrário da casa de shows, promotores e empresas como Live Nation, Stubhub e Ticketmaster, Styles não foi citado como querelado no processo. No documento judicial, a fã argumenta que os organizadores do evento não prepararam o local com a segurança adequada, assentos ou recursos de iluminação para controlar uma multidão de 17 mil pessoas. Ela também cita que outros espectadores correram perigo e pede indenização financeira.

Uma crítica do show, feita pelo The Hollywood Reporter em 14 de dezembro de 2019, menciona que Harry chegou a interromper a apresentação em questão, após notar uma fã caída no chão da pista premium. “Ela está caída? Você está bem aí?”, questionou ele do palco, pedindo então que o público desse “um passo muito lento e suave para trás” e abrisse espaço para a equipe médica passar. “Eles estão vindo. Quer que eu espere? Ok, vou esperar”, avisou ainda, paralisando o espetáculo até que a mulher fosse levada para uma ambulância.

Até o momento, a Madison Square Garden Company — dona do The Forum na época — não se manifestou sobre o processo que corre na Justiça.