A Fazenda 11: Bifão dá declaração controversa sobre racismo e divide opinião na web: “Ficam se vitimizando” — saiba os detalhes!

Terceiro dia de confinamento na décima primeira edição de “A Fazenda”, e o reality show já está dando o que falar nas redes sociais. Nesta quarta-feira (18), a peoa Bifão protagonizou uma grande controvérsia na web, graças a uma fala sua de que não existe racismo no Brasil. No bate-papo, a participante ainda criticou os grupos de militância, e falou sobre sua relação com os colegas Phellipe Haagensen e Sabrina de Paiva.

A ex-participante do “De Férias Com o Ex” estava na casa da árvore com Andréa de Nóbrega e Thayse Teixeira, quando deu a declaração polêmica. “As pessoas ficam se vitimizando por coisas pequenas. Para mim não existe racismo, cor de pele. E tem gente que tira proveito em certos tipos de situação, então nos limitamos a certos tipos de humor e no que a gente fala”, disse. Em seguida, a comediante do Ceará concordou com a amiga, dizendo: “Tudo é racismo!”

Para reforçar seu argumento, Bifão falou sobre sua amizade com os dois negros da casa, Phellipe Haagensen e Sabrina de Paiva, e disse que a relação próxima permitia falar coisas sem se preocupar com julgamentos. “Tenho intimidade, eu chamo eles de meus pretinhos, é uma forma carinhosa. Eu chamo minha mãe de preta, minha avó. Tem gente que acaba se ofendendo. A pessoa é preconceituosa e ela vê isso nos outros. Tudo é racismo, tudo é feminismo, não posso falar nada. Muita coisa tem que ser limitada”, finalizou, sendo apoiada por Andréa e Thayse.

A fala caiu super mal na web, e muitos internautas criticaram a peoa duramente. “Bifão afirmando que não existe racismo, que é vitimismo por pouca coisa. Mon amour, calada você é uma poeta. Já podemos enterrar uma participante”, disse uma jovem. E teve quem a defendeu também. “Cara, vocês quando querem pegar ranço de alguém vocês fazem de tudo. Todo mundo xingando Bifão pelo o que ela falou, e é só interpretar. Ela disse que racismo não existe para ela porque ela não pratica, para ela todas as pessoas são iguais, ela trata todo mundo igual”, explicou um outro perfil.

Outro fator deixou o público bem confuso se realmente Bifão deu a declaração polêmica, ou se ela foi mal interpretada. Um internauta resgatou um tweet da jovem em que ela apoia uma mensagem que combate a homofobia, o racismo e o machismo. “Ensinem seus filhos a não serem racistas, homofóbicos e machistas… Porque senão eles vão apanhar dos meus [filhos]”, dizia a publicação que a chef de cozinha compartilhou.

Porém, o jovem que divulgou o registro deu a entender que Bifão havia sido “hipócrita” quando fez o post, e que a suposta fala no reality show é sua verdadeira opinião. “Bifão no Twitter militando sobre as minorias, mas na fazenda acabou de dizer que tudo é racismo, homofobia e machismo, fazendo crítica ao politicamente correto. Essa é a realidade de muitos militantes de telão, na internet é uma coisa e na prática é outra”, escreveu.