Theo Becker acusa produção de “A Fazenda” de combinar resultado do reality, e ofende o apresentador Marcos Mion: “Interesseiro e mentiroso”

Uma vez peão, sempre peão! Theo Becker, participante da edição de 2009 d’A Fazenda, demonstrou estar ligadinho no reality show atualmente. O programa foi alvo de duras críticas de farsas combinadas pela produção, e até sobrou para Marcos Mion, que é apresentador da atração pelo segundo ano consecutivo.

Em sua conta no Twitter, o ex-paquito de Xuxa chamou Marcos Mion de interesseiro e de mentiroso por supostamente compactuar com as “farsas” combinadas pela produção do programa. “Só um apresentador interesseiro e mentiroso para estar à frente de um programa que é uma farsa. Quando eu revelar os podres, se preparem. Não vai sobrar um honesto nessa produção fake que escolhe os vencedores da mesma empresária de atores que já faz parte do time desde ‘A Fazenda 1′”, publicou.

Surpreendidos pela afirmação, alguns seguidores questionaram Theo se ele sabia de algo que comprovava uma combinação da produção do reality para dar o prêmio ao ator Dado Dolabella, que foi o vencedor da edição que ele participou. “O Dado já entrou com contrato de vencedor, Theo? Conta pra gente!”, perguntou um usuário. “Praticamente… Pois foi orientado a se transformar numa planta quando houvesse brigas”, disse.

Na teoria de Theo Becker, a 11ª edição já tem um vencedor escolhido. “Anotem aí… Rodrigo Phavanello campeão… E o resto são cobaias para parecer que é verdadeiro… Eu abri as portas para ela na Record… (mesma empresária). Eu era o ator top do escritório e ela passou todos meus trabalhos para ele quando saí da fazenda e fui obrigado deixá-los”, escreveu.

Um outro perfil no Twitter colocou as acusações do ator em xeque de acordo com o histórico do programa. “Ano passado o Sandro [Pedroso] era assessorado por ela (a ex-empresária de Theo Becker) e nem por isso ganhou, na verdade foi o segundo eliminado”, refletiu. “Para esse ano tudo voltar ao normal… Lesadinha”, rebateu o ex-peão.

Para fechar, Becker deu a entender que prosseguirá fazendo suas “revelações” sobre os bastidores da sua antiga emissora. “Era só eu ficar quietinho e sendo manipulado que sempre teria trabalho na Record… Fui um ícone da emissora e dou audiência pra caramba, mas prefiro lutar pela verdade, pois só ela pode me libertar. Faço sabendo que estou fechando as portas para sempre. #coragem”, postou em sua conta no Twitter.

Durante sua participação no reality show da Record, Theo Becker protagonizou uma das brigas mais famosas da história do programa com o ator Jonathan Haagensen. Na época, o ator acabou taxado como “louco” pelo seu comportamento controverso. A “fama” conquistada na atração o perseguiu até os dias atuais, e ele sempre esperou por uma retratação pública da emissora pela forma como foi tratado.