Aguinaldo Silva abre o jogo pela primeira vez sobre motivo de demissão da TV Globo, após mais de 40 anos de casa: “Nova política”; confira o comunicado!

Após a surpreendente notícia de que a TV Globo não renovaria seu contrato, Aguinaldo Silva falou pela primeira vez sobre o assunto nesta sexta-feira (03). Em comunicado divulgado pela coluna de Leo Dias, o autor de grandes novelas como “Senhora do Destino” comentou sobre uma “reestruturação” na emissora carioca.

“A empresa passa por uma nova política de reestruturação face à atual conjuntura econômica bem como a presença, cada vez mais constante das novas mídias, novos hábitos, novos valores!”, revelou Aguinaldo. O dramaturgo também falou o que há de vir em sua carreira: “Fui extraordinariamente feliz nesta longa relação profissional: dei o melhor de mim e recebi, sempre, o devido reconhecimento. Agora é momento de partir para novos desafios!”.

Aguinaldo Silva é responsável por 20 trabalhos enquanto esteve na TV Globo, sendo muitos deles grandes sucessos. (Foto: Reprodução/Instagram)

Quanto aos seus anos na “Vênus Platinada”, ele não teve nada a reclamar. “Estive no Grupo Globo desde 1969 (quando entrei para a Redação do jornal “O Globo”), ou seja, mais de 50 anos, 41 dos quais na TV Globo. Foi uma relação maravilhosa que resultou nos maiores sucessos da história da Televisão Brasileira. Mas, como tudo, existe o momento do término, e foi o que ocorreu”, explicou o escritor. Segundo sua assessoria, ele segue contratado até o dia 29 de fevereiro.

Após a notícia, o autor da icônica “Tieta” também se manifestou pelas redes sociais, com uma frase bastante enigmática, atribuída à Virgínia Wolf, grande nome da literatura. “Escrever é que é o verdadeiro prazer; ser lido é um prazer superficial”, diz o post. Olha só:

Confira a nota de Aguinaldo Silva:

“Estive no Grupo Globo desde 1969 (quando entrei para a Redação do jornal “O Globo”), ou seja, mais de 50 anos, 41 dos quais na TV Globo. Foi uma relação maravilhosa que resultou nos maiores sucessos da história da Televisão Brasileira. Mas, como tudo, existe o momento do término, e foi o que ocorreu. A empresa passa por uma nova política de reestruturação face à atual conjuntura econômica bem como a presença, cada vez mais constante das novas mídias, novos hábitos, novos valores! Fui extraordinariamente feliz nesta longa relação profissional: dei o melhor de mim e recebi, sempre, o devido reconhecimento. Agora é momento de partir para novos desafios!”.

TV Globo anuncia decisão

Em comunicado enviado à imprensa na tarde desta quinta (2), a Globo afirmou que Aguinaldo Silva não teve seu contrato renovado pela casa. A emissora não ofereceu muitas informações sobre o caso. “Sem nova obra prevista, a Globo decidiu não renovar o contrato com o autor Aguinaldo Silva”, anunciou em uma nota curta.

Aguinaldo Silva escreveu clássicos da TV, como “Tieta”, “Senhora do Destino” e a premiada “Império”. (Fotos: Divulgação/Reprodução/TV Globo)

E acrescentou: “Ao longo dos mais de 40 anos dessa parceria de sucesso, foram mais de 20 trabalhos em conjunto, entre os quais Império, que ganhou o Emmy Internacional de Melhor Novela em 2014”.

A última novela do escritor foi “O Sétimo Guardião”, que amargou na audiência e foi envolvida em polêmicas relacionadas aos ex-alunos de Aguinaldo, que reivindicavam na justiça coautoria da trama. O autor estava há mais de 40 anos na emissora e foi responsável por mais de 20 trabalhos, incluindo os sucessos já mencionados, como também, “Fina Estampa”, “Duas Caras”, “Roque Santeiro” e “Vale Tudo”.