Após polêmica e boicote, “Insatiable” ganha trailer da segunda temporada com Patty suspeita em caso de homicídio e desaparecimentos misteriosos; assista

Apesar das críticas, “Insatiable” continua vivíssima e está pronta para novos episódios! A segunda temporada da série da Netflix ganhou um primeiro e hilário trailer, que mostra Patty (Debby Ryan) tentando não surtar com os últimos acontecimentos de sua vida.

No final dos episódios de estreia, a protagonista acaba assassinando seu ex-namorado e uma mulher por acidente enquanto gritava que era uma boa pessoa. No trailer, ela lamenta os rumos que sua vida tomou. “Não importa como é a minha aparência. A minha vida é um desastre. Eu sou suspeita de homicídio”, lamenta ela.

Apesar disso, Patty decide colocar tudo nos eixos. “Decidi assumir o controle da minha vida. Não podia pensar em morte ou destruição. Tinha de me concentrar no meu futuro. Quem sabe do que eu sou capaz?”, afirma entre cenas de novos concursos de beleza.

Segundo a sinopse, a nova trama justamente mostrará a personagem com dificuldades em manter as aparências enquanto lida com o passado que insiste em assombrá-la mais uma vez. “Além de muitos questionamentos, será que Bob (Dallas Roberts) continuará a colocar toda a sua vida de lado para ajudar Patty a alcançar seus sonhos e objetivos? Até quando ele será fiel e guardará os seus segredos?”, questiona a descrição.

Além da jornada pessoal da protagonista, os novos episódios envolverão o desaparecimento de alguns participantes do concurso de beleza e a dúvida de se é ela mesma quem está por trás dos crimes. Assista ao trailer abaixo:

A primeira temporada da série envolveu muita polêmica e virou alvo de uma petição online pedindo seu cancelamento antes da estreia. O enredo retratava a vida de Patty (Debby Ryan), uma adolescente que sofria bullying por conta de seu peso. No que seria uma vingança, a protagonista decidia emagrecer para assim impressionar todos os alunos da sua escola.

Segundo um grupo de mais de 150 mil pessoas, a abordagem seria ofensiva. “Por muito tempo, as narrativas falaram às mulheres e jovens garotas impressionáveis que, para ser popular, ter amigos, para se tornar desejada pelo olhar masculino e, em alguma medida, para ser um ser humano de valor, é preciso ser magra. […] Esta série vai causar distúrbios alimentares e perpetuar a objetificação dos corpos femininos“, protestou a autora do abaixo-assinado na época.

Cenas do trailer de ‘Insatiable’. (Foto: Reprodução/Netflix)

Diante da repercussão dos protestos, a atriz Debby Ryan resolveu se pronunciar no Twitter, declarando já ter sofrido bullying e explicando a perspectiva da série.  “Como alguém que se preocupa sobre a forma como o corpo, principalmente o feminino, é controlado pela sociedade, estava animada em trabalhar em ‘Insatiable’ pois é uma série que fala desse assunto através da sátira. […] Durante doze anos, eu sofri com meu corpo e isso me levou para lugares ruins que desejo deixar para trás, todos os dias. Me senti atraída pelo desejo da série de falar sobre problemas reais e sobre como é esse sentimento de desejar ser ignorada, porque é mais fácil que ser vista. […] O humor aqui não apoia gordofobia. A redenção é explicar que o bullying não é certo“, reforçou ela.

A criadora da trama, Lauren Guiss, também rebateu as críticas. “Quando eu tinha 13 anos, eu era suicida. Meus melhores amigos me deixaram, eu era zoada e queria revanche. […] Eu ainda não estou confortável em minha pele… mas estou tentando compartilhar os meus pensamentos, minha dor e vulnerabilidade por meio do humor. […] A série é um conto preventivo sobre o quão doloroso pode ser acreditar que o exterior é o mais importante“, escreveu ela.

De qualquer jeito, a segunda temporada parece tomar um rumo completamente diferente do que o que levou às críticas. Os novos episódios chegam à Netflix no dia 11 de outubro.