Diogo Mainardi Tv Cultura

Após xingar convidado do “Manhattan Connection”, jornalista Diogo Mainardi pede demissão da TV Cultura, mas repete insulto; assista

O jornalista Diogo Mainardi, do “Manhattan Connection”, anunciou nesta terça-feira (4) que pediu demissão da TV Cultura. Na semana passada, ele causou polêmica no programa, ao xingar um dos convidados da atração – o advogado Antônio Carlos de Almeida Castro, conhecido como Kakay. Mainardi, no entanto, reforçou o insulto hoje.

O episódio em questão foi ao ar seis dias atrás, no finzinho da transmissão do “Manhattan Connection”. Após Kakay se despedir dos apresentadores, Mainardi disparou: “Como diria Olavo de Carvalho, vai tomar no c*”. O programa cortou o palavrão com um “bipe”, mas foi possível compreender o que o jornalista havia dito. Assista ao trechinho abaixo:

Demissão

Com a repercussão do caso, a TV Cultura disse em nota ao jornalista Maurício Stycer, colunista do UOL, que não concordava com a postura de Diogo e que já havia tomado providências junto à produtora do programa. O canal também respondeu sobre o “bipe” no palavrão: “A TV Cultura não censura seus programas, apresentadores e entrevistados. Neste caso do ‘Manhattan Connection’, o jornalismo optou por cobrir o palavrão com sinal eletrônico”.

Continua depois da Publicidade

Já nesta terça, Mainardi explicou a decisão de deixar a emissora através do site “O Antagonista”, enfatizando as diferenças políticas com seu entrevistado. “Desde a quarta-feira da semana passada, quando xinguei o lulista Kakay, a TV Cultura estava pressionando os produtores do Manhattan Connection, a fim de que tomassem alguma medida contra mim”, disse ele.

Diogo Mainardi Tv Cultura2
No anúncio de sua demissão, Diogo Mainardi repetiu o xingamento para o advogado Kakay. (Foto: Reprodução/TV Cultura)

Segundo o jornalista, o que motivou o pedido de demissão foi esse incômodo interno na TV Cultura. “Para preservar o programa, resolvi pedir demissão, que foi aceita de bom grado pela diretoria da emissora”, escreveu. Por fim, Mainardi endossou o xingamento para Kakay. “Fiz grandes amigos nesses 17 anos. Obrigado, Lucas [Mendes], Caio [Blinder], Pedro [Andrade] e Angélica [Vieira]. E vai tomar no c…, Kakay”, concluiu ele.

Episódio de grosseria com Fernando Haddad

Em fevereiro, Diogo Mainardi já havia trocado farpas com Fernando Haddad. Durante uma longa conversa, o apresentador do “Manhattan Connection” fez menção às eleições de 2022 e questionou se o político seria “candidato ou poste de ladrão”, referindo-se ao ex-presidente do Brasil, Luís Inácio Lula da Silva. Durante o papo, o ex-Ministro da Educação e ex-prefeito de São Paulo também foi insultado por Mainardi.

“Acho você uma pessoa muito problemática, inclusive psicologicamente”, rebateu Fernando Haddad. (Foto: Reprodução/YouTube)

Continua depois da Publicidade

Num dos momentos que deram o que falar, Diogo disse que preferia se jogar do 19º andar de um prédio a ter que escolher entre votar em Lula e Bolsonaro nas próximas eleições. “Espero que você se equilibre até lá”, devolveu o professor, sendo chamado de “imbecil”, na sequência. Em meio às acusações, Haddad disse ter aceitado de boa-fé participar do programa, não esperando as ofensas tecidas por Mainardi. Ele avisou ainda que se o tom ácido da conversa fosse mantido, isso “atrapalharia a vida do telespectador“.