BBB20: Após mais uma briga, Babu Santana afirma “não ter sanidade” para lidar com Felipe Prior; Ator pede para Flay: “Toma conta do menino. Eu desisti”; assista!

A relação de Babu Santana e Felipe Prior estremeceu de vez no “BBB 20”! Ontem (30), o arquiteto já havia demonstrado insatisfação com o colega pelo fato dele não ter aceitado votar em Rafa ou em Thelma no paredão. Nesta segunda-feira (31), o emparedado da semana também acusou o ator de usar do discurso de “vitimismo” no programa e, ao conversarem sobre o jogo, se desentenderam feio. O artista chegou a passar a “missão” de conversar com o jovem para outro participante. Vixe…

A treta aconteceu no quarto Vila, quando Prior foi dar sua opinião a respeito de estratégias na hora da votação e desagradou Babu. “São 18 interpretações aqui, a sua é só mais uma aqui, Prior. A sua não é a mais, a sua não é a correta”, avaliou. “Mas a minha interpretação é salvar eu e a pessoa que eu quero na final e a sua não é”, rebateu o arquiteto.

Continua depois da Publicidade

O ator começou a ficar sem paciência, sentou na cama e devolveu: “É tão incoerente o que você tá falando, que eu fiz o que a gente combinou. Não estamos no paredão juntos!”. “Só que na semana que vem, você não tem o voto de uma pessoa, porque você não quis votar nela. Você tá jogando você”, acusou Felipe. “Isso é na sua visão, maluco! Você tá me atacando. Tá dividindo, me atacando”, se exaltou Babu, já de pé perto da cama do amigo.

“Você combinou porque você quis. Você falou pra mim que não estava de acordo. Você sentou comigo lá fora e falou que a gente disse para as meninas das possibilidades”, argumentou o paulista. “E não foram aceitas! Nem por mim, nem por você e nem por elas. Prior, ouve!”, pediu Santana. Felipe afirmou mais uma vez que o amigo havia dito que poderia votar em Rafa Kalimann. “Quando eu sair daqui vou te mandar o vídeo”, reclamou o arquiteto, ao ouvir Babu perguntando quando disse isso.

Continua depois da Publicidade

Ao ver que o clima estava cada vez mais tenso, o emparedado disse que não queria mais discutir, o que irritou ainda mais Babu. “Não quer discutir e vem aqui me perturbar? Para de ser maluco! Tá no paredão e fica discutindo”, gritou o artista. “Não tenho problema nenhum em ficar discutindo. Se eu tiver que sair porque tô discutindo, eu saio. Só que eu vou defender o que penso… Tô aqui pra agradar ninguém, não”, afirmou Prior.

Os dois voltaram a deitar na cama, mas a discussão seguiu firme e forte. “Eu queria agradar você, mas eu sou um homem independente, penso, respeito o seu pensamento e você não respeita o meu. Você me chamou de burro, cara!”, reclamou o carioca. “Você tá fazendo vitimismo. Eu te chamei de burro quando?”, questionou o arquiteto. “Mano, se eu conseguisse tirar você [do paredão] votando na Rafa, eu votava… Daqui a pouco você vem me perturbar com essa porra de novo”, tentou encerrar Babu.

No entanto, o intérprete de Tim Maia nos cinemas preferiu dar uma dica para o amigo: “Pô, vai se tratar, irmão, isso é bipolaridade”. “Vou me tratar o c*ramba. Por que não vai você se tratar? Quem fala para os outros se tratarem que é o doido. Se me tratar me ajudar não tem problema nenhum”, debochou Prior.

Continua depois da Publicidade

Ainda incomodado com tudo que havia acontecido, Babu foi procurar Flayslane e oficializou seu distanciamento de Felipe Prior dentro do jogo. “Flay, deixa eu te dizer uma coisa, toma conta do menino. Eu desisti. Se ele voltar, fica parceira dele aqui”, pediu.

“No sentido de ficar trocando ideia, não abandona ele, não. Porque eu gosto dele, só que ele tem um transtorno de bipolaridade e eu não tenho sanidade pra lidar com isso. Uma pessoa que eu trato com todo o carinho, solidariedade… É um pedido que eu faço com carinho mesmo”, finalizou chateado.

Continua depois da Publicidade

A cantora foi até o quarto vila para entender o que havia ocorrido, e Felipe seguiu reclamando da postura do amigo. “O voto era na Rafa. Ela é minha ameaça na próxima semana, o voto é nela. ‘Ah, mas não me ameaça’. Então você tá olhando só seu lado. Quero que se dane também. Vou mudar, não. Não vou ficar mudando minha palavra”, garantiu. “Eu já tava no paredão, não precisava disso. Tava nítido que ela [Gizelly] ia votar em mim”, analisou.