BBB21: Em briga, Gilberto acusa Juliette de ser interesseira, e toma invertida de sister, que pede: ‘Não me venha com palminha!’; assista

Gilberto e Juliette tiveram uma nova discussão nesta quarta-feira (17), na casa do BBB21, e dessa vez mais acalorada. A treta começou com um comentário da paraibana sobre o ‘queridômetro’. “Eu não daria ‘coração’ hoje a você, e você sabe, né, Gil?! Possivelmente, eu devo ter te dado coração e não daria“, declarou a advogada.

Obrigado! Eu também te dei ‘carinha feliz’ hoje“, respondeu o economista, com desdém. “Poderia ter dado ‘carinha feliz’, ‘raiva’… poderia ter dado muita coisa, mas não dei“, provocou Juliette, ao que o brother subiu o tom.

Continua depois da Publicidade

Se quiser gritar comigo, eu não converso. Se quiser falar, eu falo“, avisou a sister. “Eu falo do jeito que eu quiser falar!“, retrucou Gil do Vigor. “E eu sou obrigada a escutar?“, questionou a paraibana. “Você não é obrigada“, respondeu ele. “Então pronto. Fale só“, rebateu Juliette, deixando o local. “Eu falo a hora que eu quiser e grito a hora que eu quiser. E pronto!“, bradou o pernambucano.

Mais tarde, já na academia, os dois tentaram aparar as arestas. Gilberto reclamou que Juliette só brigava com ele, e que evitava se indispor com os brothers mais famosos. “Tu só vai pra cima de mim, porque os outros são famosos e têm muitos seguidores“, acusou. “Ah, então, você acha que eu sou amiga da menina (Viih Tube) porque ela é famosa?”, indagou Ju. “Acho. E eu sou fuleiro, tô queimado e vou sair“, confirmou o doutorando em economia.

Você que tá dizendo isso de você, meu amor. Eu não falei disso nada não. Eu tô com pena de tu. Tô com pena desse sentimento que tu tá sentindo“, pontuou ela, deixando o rapaz exaltado. “Eu não preciso de pena, meu amor! Eu não preciso!“, discordou Gilberto. “Precisa nessa atitude, pois você está falando amargurado, de uma coisa que você nem sabe“, apontou a advogada. “Pra mim digno de pena são suas ações aqui dentro. A Carla saiu e tu fostes correndo falar com o Arthur. Essa é minha opinião, e eu vou julgar quem eu quiser. E pronto. E se for pra eu sair por isso, eu não tô nem aí“, soltou o economista.

Julgue mais, tá lindo. Faça mais, tá maravilhoso. Se você tivesse nem aí, você não tava f*dido sofrendo. Você quer ser uma pessoa que você não é. Você não é ruim“, observou Juliette. “Eu cansei de ver as pessoas agindo por conveniência. Se eu agisse por conveniência eu não tava passando por isso aqui“, alfinetou Gil, que levou uma invertida. “E por que eu fui sua amiga então?! Tava todo mundo metendo o pau em tu e Sarah, e por que eu fiquei do lado de vocês?! Vocês são famosos, é?!“, questionou a paraibana. “Porque tu tava na m*rda, e aí se juntaram os três na merda“, respondeu ele.

Não adiantou. Gil seguiu afirmando que Juliette agia por conveniência e que não tratava a amizade dos dois com a mesma deferência que costuma destinar à sua relação com Viih Tube. “Eu não preciso estar amiga de Vitória não, porque Vitória pode ter 50 milhões de seguidores, que se ela fizer uma merda aqui, e eu estiver do lado dela, sai eu e ela. Se ela fizer uma injustiça, e eu ficar do lado dela, sai eu e ela. Não tem fama não. Karol saiu, Nego Di, famoso saiu, Projota, maravilhoso saiu. Tu não assiste a BBB não?! Boca Rosa saiu, quem ganhou foi Thelma, anônima e sem seguidor. Tu não assiste a BBB não?! Tu é cego?! Ou tu é doido! Só pode!“, reagiu a sister.

Continua depois da Publicidade

Eu continuo gostando de você. Acho você foda, mas não vou aceitar mais essas coisas comigo. E quando você não aceitar algo que eu fiz, você chega pra mim e fala desse jeito que estou fazendo. Não precisa brigar, gritar, dar baile e bater palma, porque isso aí eu já tenho. Isso eu não quero seu. Quem espera isso de você são seus inimigos, e eu não sou. Não me venha com palminha e gritinho. Me dói ver você desequilibrado aqui“, prosseguiu ela.

Ao final, os dois se abraçaram, e Juliette foi para a cozinha da Xepa. Sozinho na academia, Gil caiu choro e lamentou: “O povo lá fora deve me odiar. Tô me sentindo uma pessoa horrível!“.