BBB21: Nego Di aponta privilégios no tratamento de Karol Conká, acusa TV Globo de manipulação e fala sobre polêmicas com Lucas; assista!

Nego Di resolveu “chutar o balde”! Na madrugada deste domingo (28), após a participação de Lucas Penteado no “Altas Horas”, o humorista fez um novo e extenso desabafo. Apesar das restrições contratuais com o “BBB 21”, o gaúcho reclamou das diferenças de tratamento entre ele e Karol Conká, deu sua versão sobre alguns desentendimentos e polêmicas com Lucas e ainda acusou a TV Globo de manipulação. “Cansado de fingir que nada aconteceu”, iniciou.

Diferenças de tratamento

Após passar a “coroa” de maior rejeição da história para Karol Conká, Nego Di ficou surpreso como a rapper tem recebido um tratamento de acolhimento, em detrimento ao que lhe foi oferecido. “A Karol, que ao que tudo indica, foi a pessoa que mais fez cagada, foi recebida de uma maneira que foi acolhida também, eu não entendi. Quando eu saí, não teve intervalo. Eu fui pra um ao vivo. Mão nas costas, microfone na mão, conta até dez e entra. O meu discurso, que o Tiago [Leifert] fez, foi praticamente um puxão de orelha”, disse ele.

Nego Di apontou sua insatisfação com diferenças de tratamento entre ele e Karol Conká. (Foto: Reprodução/TV Globo)

Dilson comparou como foi sua saída do programa com a de Karol, que dará mais duas entrevistas na emissora ainda hoje, no “Fantástico” e no “Domingão do Faustão” – coisa que nenhum outro eliminado fez, até o momento. “Quando a Karol sai, tem intervalo, não mostram seguidores, vai pra Faustão, é redenção, é isso. Eu só quero entender qual é a da Globo. Querem defender os deles, vão passar a mão por cima de todo mundo independente da m*rda que tenham feito, porque têm um outro tipo de relação com a emissora, ou a carreira deles é mais importante? A família deles é mais importante? Não entendi”, continuou.

Continua depois da Publicidade

O gaúcho também questionou se a rapper teve contato com a produção do programa para saber tantas coisas, como disse ao ser eliminada. “Como é que a Karol sabia tanto? Ela sabia que ia ser rejeitada, que ia bater o recorde, tudo ela imaginava. Como é que ela sabia? Isso que eu não tô conseguindo entender. A pessoa entra no confessionário e sai transformada. Parece que foi na igreja. Não é possível”, raciocinou. “Eu quero entender o que tá acontecendo. É porque eles [Karol e Lucas] têm uma relação com a emissora? A carreira deles vale mais que a minha família? Tem a ver com [eu ser] gaúcho? É mais uma contra o estado, tem a ver com isso? O gaúcho sempre foi meio excluído”, brincou ele.

Em outro momento, Di voltou a questionar se Conká realmente foi instruída sobre o que falar no primeiro discurso com o apresentador do “BBB”. “Por que que eu não tive intervalo? Porque daquela porta pro palco tem uma galera que fica ali – contrarregra, produtores. Por que eu não tive tempo pra conversar, pra ser instruído, nem nada? Por que pra mim não teve discurso de acolhimento, do Brasil acolher minha família?”, insistiu.

Continua depois da Publicidade

Polêmica sobre Lucas “defender vagabundo”

Durante o confinamento, um dos momentos mais controversos foi quando Lucas e Nego Di tiveram uma briga na cozinha da casa e o comediante o acusou de “defender vagabundo”. Agora, Dilson explicou essa história. “O cara vai no programa e fala que eu falei pra ele que ele defende vagabundo e que vários filhos são arrancados de suas mães e que isso atinge diretamente a periferia. Como se ele não soubesse sobre o que realmente foi nossa discussão. E muita gente realmente me pergunta por que eu falei aquilo”, iniciou sobre as falas do ator no “Altas Horas”.

Nego Di e Lucas Penteado discutiram feio dentro do “BBB 21”. (Foto: Reprodução/TV Globo)

“Eu tive conversas com o Lucas, antes daquele dia da cozinha, que foi onde eu explodi com ele, em que ele falou que não conhecia um policial que fosse honesto, que fosse correto. E ele tava invertendo os valores, dizia que o correto era o cara que era bandido porque não tinha opção etc e tal”, explicou Di. “Eu também vim do nada. Tive menos oportunidade que o Lucas e eu nunca coloquei a justificativa na minha situação pra fazer nada de errado. Essa era a minha discussão e ele sabia disso”, afirmou.

Sobre as críticas de Lucas, o penúltimo eliminado opinou: “Ele tava querendo fazer uma inversão e queria fazer com que eu concordasse. E eu falava: ‘Mano, pra tua verdade tá certa, a minha não tem que estar errada. Cada um tem suas vivências, opiniões e tá tudo certo’. Só eu sei o que a gente viveu lá dentro e a galera que tá lá”.

Continua depois da Publicidade

Nego Di faz acusações a Lucas e fala sobre bifobia e intolerância religiosa

Nego Di alegou que Lucas teria sido agressivo com mulheres na casa e que também teria “tirado sarro” de religiões. “Quero saber como é que vai ser depois que todo mundo sair e ver que a Globo tá ocultando coisas que aconteceram lá dentro. Eu vi o Lucas discutindo com meninas lá dentro, apontando o dedo na cara delas, sendo bem agressivo. Vi umas cinco chorando, tremendo na minha frente por causa dele. Aí que eu me coloquei contra ele. Eu vi ele falando essa questão de dizer que todo policial é bandido, corrupto, pior que os bandidos que ele conhecia. Eu vi o Lucas fingindo que tava incorporado lá dentro pra assustar as meninas. Agora no ‘Altas Horas’ ele tá dizendo que tiraram sarro de religiões de matriz africana. Ele foi o primeiro a fazer isso”, acusou ele.

Nego Di acusou Lucas de ter sido agressivo com sisters, falou sobre intolerância religiosa, e disse que Sarah deu início a questionamentos sobre beijo entre ele e Gilberto. (Foto: Reprodução/TV Globo)

Quanto à bifobia antes que Lucas deixasse a casa, Di apontou Sarah como a primeira responsável por isso: “Ele disse também que sofreu homofobia lá dentro. A primeira pessoa a questionar realmente se ele era bissexual ou se ele tava fazendo aquilo pra permanecer na casa foi a Sarah. Ela inclusive usou o termo ‘topa tudo por dinheiro’. Ela ficou usando o termo ‘topa tudo por dinheiro’ daquela hora até a hora que eu peguei no sono. Eu tava deitado, já no quarto, e ela tava repetindo isso pra todo mundo. Então, tipo assim, eu quero entender, Globo, onde é que foram parar esses registros?”.

Continua depois da Publicidade

Dilson até mesmo afirmou que Lucas teria sido expulso, apesar disso não ter acontecido. “Aí eu entro no confessionário logo depois que um cara [Lucas] é expulso da casa, porque eles vendem que ele pediu pra sair, mas ele foi expulso”, alegou. “Eu fui chamado no confessionário onde eu ouvi assim: ‘Mano, esqueça esse assunto, não fala mais disso. Aja assim, assim, assado. Tá tudo certo. O cara era um monstro quando bebia, tal tal tal’. Quando uma pessoa te fala isso, te leva a crer que ‘mano, estou agindo certo. O Brasil todo tá vendo a parada do jeito que eu tô vendo’. E eu vou continuar errando. Não valia a pena mostrar as minhas coisas boas? As conversas legais, as coisas legais que eu fiz? Eu contei meio show de stand up lá”, mencionou.

Acusações de manipulação à TV Globo

Nego Di questionou que, enquanto outros estavam sempre no confessionário, ele tinha muita dificuldade até em seus pedidos básicos à produção. “Tô cansado de passar pano, tá demais. F*da-se que tem contrato, azar. Eu não era chamado no confessionário. Precisei de remédio, estava com a unha encravada e fiquei três dias batendo na porta do confessionário. Quando eu pedi ajuda no raio-x fui xingado, depois do raio-x tem pedido. Mas tô três dias com a unha encravada, tô f*dido”, lembrou-se.

Em seu desabafo, de cerca de 20 minutos, Nego Di também acusou a TV Globo de manipular o “BBB”. (Fotos: Reprodução)

O gaúcho admitiu sua desconfiança de que tais participantes tenham sido orientados. “As pessoas trocavam de microfone quatro vezes num dia, eram chamadas no confessionário, voltavam e parecia que tinham sido benzidas, que tinham tomado um passe. Voltava uma pessoa mais equilibrada, de luz, sensitiva”, insinuou. “Eu quero entender. Só que, quando chego na rua, as piadas que eu contei não apareceram, os conselhos que eu dei antes de virar as costas para o Lucas não apareceram, nada apareceu. Quem viu o pay-per-view sabe, do nada troca de câmera, corta. Fora a edição que vai pra Globo”, prosseguiu.

Continua depois da Publicidade

Di sugeriu que a TV Globo teria feito do “BBB” uma novela, em que os “rejeitados” seriam os vilões. “Ninguém é cem por cento ruim, nem cem por cento bom. Só que em determinado momento parece que não vale a pena pra eles mostrar o lado bom, senão estraga o personagem que eles criaram, do vilão. Quando aparece o Projota, quando aparece a Lumena, quando eu aparecia, rolava trilha sonora. Eles fizeram uma novela”, observou ele.

“Eu não queria ter que falar disso. Beleza, fui lá, eu que quis ir, assinei o contrato, mas cara, o jeito que tá sendo… O Lucas sofreu pra caramba, realmente, foi humilhado, aconteceu várias coisas, mas fez um monte de bosta também. Essa é a verdade. Eu tava lá e as pessoas que tão lá sabem. Só que aqui ele foi recebido de uma maneira legal”, reclamou Di. Em outro momento, o ex-BBB insistiu: “Porque tudo o que eu fiz foi tirado de contexto. Realmente teve umas cagadas que eu fiz e que eu falei que apareceu, mas as ideias ‘papo 10’ que ele [Lucas] foi falar que eu era irmão mais velho, não apareceram. Eu pedi pro Projota falar com ele e daí apareceu só a ideia que o Projota falou. A minha, f*da-se, apagaram, sei lá onde foi parar”.

Continua depois da Publicidade

Nego Di alega que câmeras “viravam” na casa

Sobre o que o fez se afastar de Lucas, Di reforçou: “Tô dentro de uma casa que tem câmera pra c*ralho, que eu sei que milhões de pessoas tão me vendo, eu vejo um cara apontar dedo na cara de mina, fazer mina chorar, ser agressivo pra cacete, eu sou dupla pra esse cara, dou conselho e não muda, me afasto. O que eu imagino? Se esse cara faz isso na frente de câmera, o que ele não faz longe, quando não tem ninguém vendo? Aí saio aqui e essa palhaçada de estar comprando um ‘coitadismo’ do c*ralho. Eu não sou coitado. Eu erro, errei, falo bosta, vou errar mais ainda porque eu sou um ser humano, tenho só 26 anos, mas eu não sou coitado, não”.

Nego Di alegou ter visto até as câmeras se virarem na casa. (Fotos: João Cotta/Globo)

Ele acusou até as câmeras da casa de “virarem” pra outro lado propositalmente. “Eu cansei. Já pedi desculpas pelo erro que eu cometi. Eu sei o que eu vi e o que eu vivi e eu sei principalmente o que eu vivi lá dentro e que eles não quiseram mostrar pra vocês. Tem edição no pay-per-view em tempo real. Eu caminhei na casa e vi câmera virando pra parede. Vi e vivi coisa que não saiu aqui na rua. Eu tô só esperando o resto [dos participantes] sair porque eles vão estar junto comigo. Sabendo do que eu vivi real, não vou ficar passando pano pra emissora. F*da-se. Vou chutar o balde”, disparou.

Continua depois da Publicidade

Ainda na tese da diferença de tratamento, Di comparou os discursos das eliminações. “Numa semana um sai e o Tiago faz um discurso me puxando a orelha, pergunta se na prova do líder eu quis enganar eles, o que não foi verdade, só esperei eles falarem, porque numa prova, antes, quando eu perdi com a Lumena, eu sabia que eu tinha perdido eu tentei sair. Eles me falaram pra voltar, porque era eles que falavam quando era pra sair. Aí, no ‘ao vivo’, o cara vem colocar meu caráter à prova?”, questionou o gaúcho. “Aí na semana seguinte, a mina que fez um monte de maldade dentro da casa, inventou, mentiu pra c*ralho, vem com os papos de ‘não ao cancelamento’, de acolher, abraçar? Um coitado tá no ‘Altas Horas’ e a outra coitadinha que fez mal pra c*ralho no Faustão”, indignou-se.

Nego Di se queixou por não ter recebido o mesmo espaço de “redenção” e “acolhimento” que Karol Conká. (Foto: Globo/João Cotta)

Por fim, Dilson expressou sua revolta por não ter o mesmo espaço que Lucas e Karol Conká estão tendo para se explicar, se retratar, etc. “Ele [Lucas] sabe que erraram com ele pra caramba, mas ele também errou com um tanto de gente. O pior de tudo é a emissora vender isso. Só tem um lado. O cara que foi mais humilhado tem espaço. A que mais humilhou tem espaço. Aí o resto não tem nada?”, indagou.

Continua depois da Publicidade

Nego Di tornou a criticar a exibição do reality e assumiu que pretende expor ainda mais queixas. “Eu não vou calar, não! Porque tá errado! Eu vivi umas paradas e eles tão vendendo um bagulho que não existiu, diferente, e nosso tratamento tá sendo diferente. Fui tão prejudicado quanto, eu também sofri ameaça, um monte de coisa, minha família também. E aí? Ninguém tá passando pano, não tem espaço na TV, não tem redenção, não tem p*rra nenhuma”, lamentou. “A bosta vai toda pro ventilador”, prometeu o vice-líder de rejeição.

Assista aos vídeos na íntegra aqui: