Bbb22 Pa Prova Resistencia

BBB22: Paulo André fica revoltado com sorteio em prova de resistência: “Muito esculacho”; Público aponta injustiça — assista

Após quase 24 horas, a resolução da prova do líder causou incômodo não só no brother, como também em parte do público

Noite de muitas controvérsias na casa mais vigiada do Brasil! Paulo André ficou muito chateado nesta sexta-feira (11), depois que a prova de resistência do “BBB 22” foi decidida através de um sorteio. O atleta olímpico não escondeu sua insatisfação e afirmou que poderia resistir por muito mais tempo. O público, por sua vez, ficou confuso com as regras do sorteio.

Com 23 horas e 51 minutos, Tadeu Schmidt interrompeu a prova do líder e conduziu um sorteio com os três finalistas – Lucas, Natália e Paulo. PA foi o primeiro nome a deixar a disputa, seguido por Nat, consagrando o “Barão da Piscadinha” o vencedor da prova. Linn da Quebrada, que havia desistido da prova 11 minutos antes, ficou desolada ao descobrir que por muito pouco poderia estar entre os finalistas.

Continua depois da Publicidade

Assim que o programa ao vivo chegou ao fim, Paulo mostrou seu incômodo por ter resistido quase 24 horas e tudo isso ter sido “em vão”. “24 horas inteiro pra não ganhar o bagulho, tá ligado? Pô, qual é mano… Mano, tô muito inteiro! Se botasse mais 48 horas, ia ficar mais 48 horas lá. P*rra, pra sortear?! É sacanagem demais”, desabafou ele, consolado pelos colegas.

Mais tarde, no quarto grunge, PA seguiu lamentando a maneira como a longa disputa foi resolvida. “P*rra, mais fácil a gente tirar adedonha ali e metido o pé, feito igual tu fez”, comentou ele. “Eu te entendo total. Se eu tivesse ficado eu ia ficar dez vezes mais [bravo] que tu”, concordou Pedro Scooby. “P*rra, moleque eu tô inteiro, aí é que tá. Não fui no banheiro até agora”, reforçou o atleta.

Bbb22 Paulo5
Paulo André afirmou que poderia ter ficado muito mais na prova de resistência e se chateou com a resolução da disputa. (Foto: Reprodução/TV Globo)

Paulo afirmou que preferia ter desistido do que chegar ao fim dessa maneira. “Quando saiu fralda eu falei: ‘Ai, Brasil, tá escrito, era pra ser’. P*rra, muito esculacho, mano. C*aralho, era mais fácil eu ter saído para não ter essa decepção. Beleza, fiquei lá, fui guerreiro, mas p*rra, qual é, mano?!”, questionou ele.

Continua depois da Publicidade

O brother ainda disse que sentia que poderia bater seus concorrentes. “Se eu tivesse ‘c*ralho, mano, não tinha como mais’. Mas mano, eu olhava pra Nat assim e olhava para o Lucas. Ixe, mano… Respeitava os dois. Lucas tinha dado papo, que estava meio ‘pá’. A Nat estava bronca, brava, mas ela olhava pra mim e já dava pra ver que estava meio que já… E eu inteiro, só esperando mesmo”, declarou PA.

Paulo André ainda comparou como seria se algo assim acontecesse nos Jogos Olímpicos. “A minha válvula de escape são as provas. Uma prova que eu poderia dar o triplo do que eu dei. Não é sobre o que é certo ou o que é errado, não tô falando sobre isso, tô falando sobre o que de fato aconteceu. É a mesma coisa de eu estar nas Olimpíadas, correndo 100 metros, faltando 20 metros, tô na frente. [O árbitro fala:] ‘Para aí, vamos sortear, agora vamos na sorte, não vai ter linha de chegada’. Não desmerecendo os outros adversários, não desmerecendo o Lucas, mas eu tô garotão”, mencionou.

Na manhã de hoje, Paulo voltou a falar sobre o assunto durante o raio-x, sem esconder sua frustração. “Ficou bem nítido que eu senti o golpe, né, sobre o resultado da prova, mas eu estou bem receoso. Estou com medo disso ter batido errado para vocês, público e Brasil inteiro”, iniciou ele. “De fato, não é sobre ter perdido, até porque nós, atletas de alto rendimento, a gente aprende a saber perder e saber lidar com a derrota, mas eu estava ali muito empenhado em vencer, em nenhum momento eu pensei em desistir ou fraquejei”, explicou ele. PA concluiu dizendo que queria ter ficado mais, levando em conta a importância disso para ele. “Infelizmente, ela foi decidida na sorte. Fiquei muito triste mesmo porque as provas são uma válvula de escape para eu estar dentro do jogo e a liderança era muito importante”, disse o atleta.

Regras de sorteio causam confusão

Antes da prova do líder iniciar, na quinta-feira (10), Tadeu Schmidt explicou como funcionaria o sorteio. Contudo, o apresentador não deixou claro em qual momento exato a prova seria interrompida. “A prova vai no máximo até o programa de amanhã. Se por um acaso amanhã, na hora do programa, ainda tiver alguém resistindo bravamente lá na prova, nós vamos reunir aqueles que já saíram da prova lá na sala pra fazer um sorteio com os produtos que continuam no carrossel. […] Mas repito, isso só vai acontecer se a prova ainda estiver rolando quando começar o programa ao vivo amanhã”, disse ele.

Quando o programa ao vivo começou, Lina ainda estava na prova com Lucas, Natália e Paulo André. A sister desistiu enquanto o reality estava no ar, sem sequer imaginar que ocorreria um sorteio. A situação deixou parte do público em dúvida, crentes de que a sister também deveria participar dessa decisão pela sorte. Muitos também questionaram por que os brothers não foram avisados sobre o sorteio ao final – algo que mudaria completamente a dinâmica.

Continua depois da Publicidade

“Pela regra do Tadeu, a Lina ainda tem que fazer parte da prova, porque ele disse que ATÉ O COMEÇO DO PROGRAMA DE AMANHÃ QUEM TIVER SERÁ DECIDIDO PELA CASA NUM SORTEIO OS ELIMINADOS. Ou seja, o programa começou com ela na prova”, escreveu Dudu Guimarães no Twitter. “Mas se era o sorteio pra quem ficasse até o início do programa, a Lina não tinha que ser considerada no bololô? Tô confusa”, comentou Babi Guimarães.

Continua depois da Publicidade

Críticas à resolução

No fim das contas, o sorteio foi alvo de muitas queixas nas redes sociais. Parte do público na web também se revoltou com a resistência decidida na sorte. “Alguém que ficou VINTE E QUATRO HORAS na prova do líder e NÃO DESISTIU pode simplesmente ir pro paredão e sair. Inacreditável. Eu tô incrédulo”, disse o comentarista Pedro Certezas. “Se eu sou o PA, eu saio xingando todos os palavrões que o programa proíbe. Isso é muitaaaaa sacanagem. E certo fez o Scooby!!!”, revoltou-se a jornalista Lais Gomes.

Veja as reações abaixo:

Continua depois da Publicidade