Cole Sprouse conta o que podemos esperar de tributo à Luke Perry em ‘Riverdale’, e considera ‘cafona’, proposta de série com o irmão gêmeo

Poucas pessoas conseguem prosperar em Hollywood após a adolescência… Cole Sprouse é uma delas! Nosso eterno gêmeo em ação continua trilhando uma carreira brilhante, seja nos cinemas, ou nas telinhas. Como se não bastasse, ele também é a capa dessa edição da revista Variety, que traz como tema “Power of Young Hollywood” (ou “O Poder da Hollywood Jovem”, em português).

Na matéria, Cole contou detalhes sobre como a série Riverdale teve papel importante em sua transformação de “criança Disney” em um “grande protagonista”. Ele ainda deu detalhes sobre o episódio que fará tributo à Luke Perry, interprete de Fred Andrews, que faleceu em março desse ano.

“A linha importante que todos nós tentamos desenhar é como separar, como podemos retratar emoções reais, mas aos olhos dos personagens. Se eu estivesse fazendo uma história inteira sobre meu relacionamento com Luke, não seria um trabalho bem feito. Meu trabalho é fazer isso aos olhos de Jughead… Luke era o tipo de cara que não gostaria que as pessoas chorassem por ele. Espero que esse episódio lhe faça justiça, mas acho que a maneira como vivemos com ele também já fez justiça ”, afirmou.

View this post on Instagram

POWER OF YOUNG HOLLYWOOD 2019: In 2011, Cole Sprouse enrolled as a freshman at NYU. Over the next four years, he regained his anonymity, took photography classes, majored in archaeology and landed an entry-level job at a small laboratory in Brooklyn. “I was bagging artifacts,” says Sprouse, who is now 27. “And I got a call from my manager, who begged me to come back and audition for pilot season.” Sprouse made a deal. “If I don’t book anything, then I’m not going to do this anymore,” he recalls telling his manager. “And I gave her my word that if I did book something, I’d see it through. I booked #Riverdale and it ended up tugging me back.” At the link in bio, Sprouse explains how #Riverdale transformed him from a Disney child star to a leading man, and why he sees himself working again with his brother, Dylan. (📸: @heatherhazzan)

A post shared by Variety (@variety) on

A série da CW Network mostra Sprouse na pele de Jughead Jones, um jovem nerd, mas ao mesmo tempo bad-boy, que o permitiu se reinventar como ator em seus 20 e tantos anos. Ainda em 2019, ele estrelou seu primeiro filme adulto, “A Cinco Passos de Você”, como um homem com fibrose cística que se apaixona por uma paciente que vive dentro do mesmo hospital. O drama, distribuído pela CBS Films em março, se tornou um sucesso, arrecadando quase US$46 milhões (cerca de 175 milhões de reais) nas bilheterias dos Estados Unidos.

Durante a entrevista, o jovem relembrou seu teste para “Riverdale” e confessou que, inicialmente, foi convidado para fazer o papel do líder, Archie, mas pediu para interpretar o personagem rejeitado. “Eu disse que aquilo era um pouco mais meu estilo”, afirmou Sprouse.

A última temporada da série terminou deixando um suspense no ar: O que aconteceu com Jughead? Teria ele morrido? O ator não quis dar spoilers sobre a continuação do show. “Eu não posso te dizer. Para ser honesto, acho que Riverdale poderia existir mesmo se nossos personagens se fossem. Aí nós apareceremos como fantasmas, ou nossos gêmeos tomariam nosso lugar ”, brincou Cole.

O astro também declarou que não está com pressa para se despedir da série. Ele disse que o programa lhe deu uma oportunidade de renovar sua apreciação pela atuação. Uma apreciação que não pôde ter quando era mais jovem, porque naquela época, se sentia pressionado para ser o provedor de sua família. “Eu sou um pouco viciado em trabalho. Talvez seja o meu cérebro de estrela infantil, eu simplesmente não consigo parar de pensar em ser uma mercadoria”, desabafou.

Por fim, ele comentou que consegue se enxergar atuando novamente ao lado do irmão Dylan, mas não criem falsas esperanças! Nenhum reboot de Zack e Cody está por vir. “Já conversamos sobre isso. Aquela coisa cafona de gêmeos, eu não acho que realmente vende mais”. Em contrapartida, ele explica o que iria convencê-los: “É sobre se sentir apaixonado por atuar novamente. Se for um projeto legal, eu não terei problemas com isso”, finalizou.

Adoraríamos ver essa dupla nas telinhas novamente!