Iris Ariadna Angelica

Íris Stefanelli volta a falar sobre discussão com Ariadna e chora ao apontar ataques que têm sofrido; Angélica rebate críticas da loira — assista!

Vixe! As gravações do “No Limite” já chegaram ao fim… Mas as tretas ainda estão rendendo! Nesta segunda-feira (7), Íris Stefanelli chorou ao falar de ataques que recebeu e tudo o que aconteceu após sua discussão com Ariadna Arantes no reality show. A ex-apresentadora do “TV Fama” ainda reclamou da postura de Angélica Ramos – que também não ficou calada e rebateu às críticas.

O estopim foi quando Íris e Ariadna discutiram sobre prostituição no confinamento. Ari explicou que, muitas vezes, mulheres trans não têm nenhuma oportunidade, mas “Siri” não aceitou o argumento. “Ainda não me desceu essa história. Se eu falo que a pessoa não tem opção: ‘Isso mesmo, tem que se prostituir’, eu iria apanhar igual a um cachorro. Aí eu falo: ‘Não, tem opção, tem saída, tem que acreditar em Deus…’ Mesmo assim tomei pancada, mas eu aguentei calada”, mencionou ela em vídeo publicado hoje.

Íris acrescentou que seu irmão, Everton, é dependente químico, está internado, mas teve uma “recaída” após os ataques que ela tem sofrido. “Não estou aguentando, tive que fazer esse vídeo… Pessoas que são atacadas na internet sofrem problemas seríssimos. Muitos tem até depressão, suicídio… Isso está muito sério. Meu irmão é dependente químico, ele estava limpo há sete meses, ele ia sair da clínica. Depois dessa injustiça, que ele viu que passei com essa história, ele ficou tão transtornado que recaiu”, afirmou ela, dizendo que o caso “fez um estrago” em sua família.

Continua depois da Publicidade

Apesar de sua mãe não gostar que ela exponha a situação, Stefanelli se abriu sobre o assunto. “Sei que é uma opção dele, a gente faz de tudo, dá o melhor tratamento, dá amor. Só que isso é uma coisa que mexe com ele. Cada pessoa tem seu gatilho para ir para o buraco”, completou.

Íris também reclamou dos que disseram que ela é privilegiada por ser branca e loira. “Comentários de todo mundo que julgou a ‘patricinha loira dos Jardins’. Desde os meus 19 anos, eu carrego sacola no Brás e no Bom Retiro”, alegou. “É uma história de luta e de trabalho a minha. Sempre fui pobre. Economizava almoço para pagar a janta”, comentou a ex-BBB.

“Uma mulher bonita e pobre, e nem bonita eu era, não tem privilégio nenhum se não tiver um curso de inglês, não consegue vaga em lugar nenhum. A única coisa que ela vai conseguir são os caras querendo sair com ela para dar um negocinho, um presentinho em troca. Como sempre fui de opinião muito forte, nunca aceitei isso”, afirmou ela.

Continua depois da Publicidade

Críticas à Angélica

Na série de vídeos, Íris ainda criticou a atitude de Angélica, que também ficou ao lado de Ariadna após deixar o reality. “A hora que ela pegou o gancho da Ariadna para crescer, aí foi covardia, né, gente… Fiquei tão mal, chorava de desespero. Injustiça das brabas”, disse ela.

A participante afirmou que ela e Angélica não se entendiam no programa – apesar de serem de tribos diferentes. “Ela levantava o queixo assim, olhava pra baixo e provocava. Até o gesto de provocar. Ela conseguia me tirar do sério”, mencionou Stefanelli. “Achei de uma sacanagem ela ter pegado o gancho da Ariadna pra aproveitar no programa e já dar uma cacetada, pra eu levar mais cacetada dos outros. Achei uma covardia. Covardia!”, criticou.

Assista ao vídeo na íntegra:

Angélica rebate queixas de Íris

Sem levar desaforo pra casa, Angélica também se pronunciou na tarde de hoje. Ela negou que estivesse provocando Íris no programa e mencionou que a ex-Rede TV não teria se retratado por ter errado. “Eu nem notava a dona Íris. Tipo, zero à esquerda. Errou, amor, OK. Mas ficar persistindo no erro… Íris, toma vergonha nessa sua cara loira. É isso que você tem que fazer: se retratar, só isso”, disse ela.

“Falar que a gente não se suportava no programa? Mentira! Nunca te notei. Segundo, você agiu erroneamente. Deveria se retratar e não se retratou. Agora falar que eu estava usando o gancho de uma história – que é extremamente relevante – para subir em cima da história para aparecer? Você é quem? Eu queria entender essa importância da fada sensata do trisal em fazer julgamentos na Internet”, disparou Angélica, fazendo referência ao affair entre Íris, Diego Alemão e Fani no “BBB”.

Continua depois da Publicidade

“Me chamar de desrespeitosa, sem conhecer minha história de vida, colocar em pauta minha questão no ‘Big Brother’… Uma história que eu estava me defendendo e não atacando, nem abusando de ninguém. Eu era ‘abusada’, não era assim que a senhora falou? Então, por favor, evita. Para de caçar problema para sua vida, amor”, acrescentou ela.

Angélica ainda falou que, na verdade, era Íris quem estaria usando um “gancho” para se promover – visto que o que motivou a série de vídeos dela foi uma reportagem do “Fantástico” sobre ataques sofridos por Luísa Sonza. “Você aproveitou o gancho para subir na história de outra pessoa, né, querida? É bom pensar. Quem está subindo na história de quem? Você estava vendo no ‘Fantástico’ a história da Luísa. Aí aproveitou o gancho para subir na história da Luísa e para vir fazer o lacre na Internet. Então, assim, Íris, se você acha que vai transformar minha imagem em uma mulher que não sou, está perdendo seu tempo”, completou ela.

Continua depois da Publicidade

Por fim, Angélica mencionou que, se Íris quisesse mesmo resolver todas as questões, poderia simplesmente entrar em contato com as participantes. “Existe um grupo. Por que não veio falar comigo? Por que não pegou o número da Ari e foi falar com ela?”, questionou a segunda eliminada do “No Limite”.

Assista aos vídeos abaixo: