Jornal Porno

Jornal exibe vídeo pornô ao vivo na TV, nos EUA, e vira caso de polícia; assista!

Qual a previsão do tempo? Calorão no cabaré! No último final de semana, uma emissora de notícias da cidade de Spokane, no estado de Washington, nos Estados Unidos, exibiu um vídeo pornô ao vivo durante um telejornal. As imagens chocaram o público e a história virou até caso de polícia.

As cenas foram ao ar às 18h30 da tarde de domingo (17), enquanto o canal exibia a previsão do tempo. [O estado] espera mais alguns dias de tempo bom após um lindo fim de semana de temperaturas brandas”, dizia a meteorologista. O que ela parece não ter percebido é que imagens super explícitas foram ao ar no canto superior esquerdo da tela, em um dos monitores. O filme pornográfico exibia uma mulher nua deitada na cama, com a câmera expondo o bumbum despido.

Jornal Porno1
Nem a âncora, nem a meteorologista perceberam que a previsão do tempo colocou um pornô ao lado do mapa. (Foto: Reprodução/KREM)

Continua depois da Publicidade

Enquanto o conteúdo proibidão aparecia na transmissão ao vivo, a co-âncora Cody Proctor também não esboçou qualquer reação ao material adulto. De acordo com o site TVSpy, a emissora KREM se manifestou sobre o caso e pediu desculpas aos seus espectadores horas mais tarde. “Um vídeo inapropriado foi ao ar na primeira parte do programa. Nós estamos trabalhando diligentemente para garantir que isso não aconteça novamente”, disse o âncora.

Assista ao vídeo abaixo:

Previsão do tempo pornô vira caso de polícia

No fim das contas, o caso foi parar na polícia. Na manhã desta segunda-feira (18), o Departamento de Polícia de Spokane afirmou que suas equipes estavam investigando como as imagens apareceram ali e de onde elas vieram. “O pessoal está colaborando integramento com o DP para determinar o que aconteceu”, disse o comunicado.

Continua depois da Publicidade

A Polícia ainda revelou que recebeu várias denúncias sobre o episódio. [As] imagens perturbadoras geraram muitas ligações de cidadãos preocupados na cidade e no condado”, completou. Até o momento, ninguém foi responsabilizado pelo imprevisto. Mas que a situação ficou marcada na cidade, isso ficou…