Jornalista da Globo faz discurso de despedida emocionante ao vivo e viraliza: “Se alguém perguntar que fim levou aquele repórter” – Assista

Nesta semana, o jornalista Luís Fernando Silva Pinto foi desligado da Rede Globo, após 44 anos de casa – e comoveu a todos em sua despedida! O correspondente da emissora em Washington fez um discurso muito tocante na terça-feira (1º), durante sua última participação no “Jornal das Dez”, da GloboNews. A cena viralizou na web e emocionou muitos internautas.

Inicialmente, Luís recordou sua trajetória nas últimas quatro décadas e coisas que percebeu ao longo do tempo. “Em 44 anos, eu vi a inutilidade das guerras. Vi as pessoas que mais precisam serem, frequentemente, a prioridade menor. Vi líderes que têm a ilusão de que sabem, e acham que o cargo é um direito, não uma dedicação. E quando perdem o poder, passam a enfrentar a realidade do esquecimento. Ou pior: o julgamento da história”, comentou.

O discurso emocionante de Luís Fernando Silva Pinto viralizou na web. (Foto: Reprodução/Globo News)

“Mas eu vi também coisas extraordinárias. Literalmente, os nossos olhos conhecendo mais da imensidão do universo. Ou o oposto, desvendando os elementos básicos daquilo que nós somos. Acima de tudo, tenho orgulho de ver como as gerações mais novas são mais capazes, mais engajadas, e menos discriminatórias do que a minha”, reconheceu o jornalista.

Continua depois da Publicidade

No entanto, o trecho mais especial foi quando Luís respondeu o que faria agora, depois de todos esses anos. “Eu tive momentos de muita sorte. A maior delas foi conhecer a Lauren, em Nova Deli, durante a cobertura da morte da Indira Ghandi. Há 35 anos, ela é minha esposa, a mãe dos meu filhos, e nunca deixou de ser a minha namorada. Então, Heraldo [Pereira], se um dia alguém – sem ter muito o que fazer – se perguntar: que fim levou aquele repórter? A resposta será simples. Ele tá bem. Tá com a namorada dele”, concluiu o correspondente.

O apresentador do telejornal, Heraldo Pereira, também usou o espaço para homenagear o colega de trabalho. Em sua despedida, ele o chamou de “minha referência desde a minha querida Ribeirão Preto”. O âncora também fez um comparativo entre as diversas gerações de jornalistas da TV Globo, afirmando que Silva Pinto deixou um legado na emissora. “Você, a nos ensinar, a trazer essa voz, essa história, muito obrigado”, agradeceu. Assista ao vídeo:

A jornalista Raquel Krähenbühl, também correspondente em Washington, compartilhou o vídeo nas redes e expressou sua emoção com o discurso tocante. “Olhos cheios de lágrimas com essa despedida do Fernando. Serei sempre grata a ele. Foi a pessoa que abriu a porta para mim em Washington e que me ensinou muito. Tenho certeza que ele sempre estará bem – com a namorada dele, a Lauren”, escreveu.

Continua depois da Publicidade

Nas redes sociais, Luís Fernando recebeu mais homenagens de outros colegas de profissão e também de admiradores. Como é o caso de Milton Neves. “Gosto dele desde quando era repórter do JT no DETRAN com o apelido de “Paquinha”!”, lembrou o jornalista. “Dois jornalistas ótimos, referências positivas não só no campo profissional, mas pelo fino trato dispensado aos seus. Esses dois são humanos, orgulho da nobre classe. Curta a eterna namorada. Parabéns pra Rede Globo por manter ambos em seus quadros por décadas”, declarou um professor.

Veja mais reações:

Continua depois da Publicidade

De acordo com o jornal “Folha de São Paulo”, outros seis veteranos do jornalismo da Globo também foram demitidos da emissora. Maria Thereza Pinheiro, Teresa Cavalleiro, Cristina Piasentini, Silvia Sayão, Meg Cunha e Marco Rodrigues foram outros profissionais que tiveram seus vínculos desligados com a emissora. Segundo um comunicado, eles ficam no canal até 31 de dezembro, enquanto concluem projetos.

Assista à homenagem na íntegra aqui: