Fotojet (2)

Juliette ARRASA ao cantar “Deus Me Proteja” e “Triste, Louca ou Má” no “Domingão do Faustão”; assista!

Ô loco, Juliette conquistou até Faustão! A vencedora do “BBB21” foi ao “Domingão” hoje (9) para conversar com o apresentador e falar um pouco de sua trajetória na casa mais vigiada do país. No programa de auditório, Ju teceu diversos elogios para sua mãe, e arrasou ao cantar à capela duas canções que a acompanharam no reality: “Deus Me Proteja”, de Chico César”, e “Triste, Louca ou Má”, de Francisco El Hombre.

“Advogada, maquiadora, representando a alma da mulher nordestina, a gloriosa Juliette Freire!”, anunciou o apresentador. Juliette se mostrou muito honrada com todo o carinho que vem recebendo do público, mas confessou que se assustou com o sucesso estrondoso. “Ao mesmo tempo, é um frio na barriga muito bom de saber que as pessoas estão acreditando em mim, acreditando em coisas boas, me vendo como algo bom”, refletiu.

No entanto, ela avisou que passa longe do rótulo de perfeita. “Eu não quero esse peso, por favor, esse peso não é meu, essa carga não é minha. Eu sempre tentei ser boa. Eu não sou bondade, eu tento o quanto eu puder”, disse.

Juliette se declara para “mainha”

No Dia das Mães, Juliette também analisou a importância de Dona Fátima em sua vida. “Minha mãe conseguiu passar por tudo de mais difícil que uma mulher nordestina, semi-analfabeta passou. E ela passou por tudo isso com um coração generoso, acreditando que tudo ia dar certo. Ela não tinha muita instrução pra me ensinar, mas os valores, as coisas importantes, ela conseguia passar. Ela foi uma referência de exemplo. […]. A vida dela me ensinou muito mais do que palavras, literatura. A vida dela foi o que me fez”, afirmou.

Ju encanta com sua voz

Admirada na casa do “BBB21” por seu talento para a música, Ju também foi convidada pelo apresentador a cantar à capela alguns dos hinos que a embalaram nos momentos difíceis do reality. A primeira escolha da advogada foi “Deus Me Proteja”. “Oração desde o primeiro dia que eu escutei”, definiu.

“Eitcha, como eu tô cantora!”, brincou a nova milionária. A segunda canção entoada por Ju foi “Triste, Louca ou Má”, que combinou muito com sua jornada no reality. “Fala muito sobre minha feminilidade, ancestralidade, essa luta e a pressão que as mulheres sofrem, porque, na verdade, todo mundo é rotulado de alguma coisa. Quando as pessoas me rotulavam, eu dizia, ‘tá, tudo bem, eu sou e isso não é ruim'”, explicou ela.

Advogada fica chocada que o “Domingão” vai acabar

A entrevista ainda teve um momento hilário, quando Juliette ficou surpresa pelo “Domingão do Faustão” acabar no final do ano. “Aproveita e canta um trechinho porque o programa está acabando mesmo. Vai só até o final do ano”, disse o comunicador antes de ela se apresentar.

“Começou agora! Não senhor, vou ficar aqui”, respondeu Juliette. Faustão, então, explicou que o “Domingão” estava com os dias contados: “Termina agora em dezembro, aproveita pra você cantar aqui”. E a advogada respondeu: “Eu vi, mas achei que era fofoca. É sério? Todo mundo já veio aqui não sei quantas vezes, mas quando eu venho acaba? Agora tenho que vir aqui todo domingo até o final do ano”. Muito carisma, Brasil!

Continua depois da Publicidade

Juliette revela que não sabe de tudo que aconteceu no BBB, e explica motivo

Ainda, Juliette admitiu que seus amigos a blindaram de ver todas as coisas ruins que falaram dela dentro do “BBB”. “Meus amigos evitaram me mostrar isso pra que eu aproveitasse a melhor parte agora, que é o carinho de todo mundo”, falou a morena. “Legal dos seus amigos, inteligente”, elogiou Faustão.

“Eles evitaram, falaram pouquíssimas coisas, [disseram]: ‘Curta as suas coisas, depois a gente conversa’, e eu sei algumas coisas, mas eu não quero julgar. Porque às vezes você fala uma coisa das suas mágoas, suas cicatrizes falam”, analisou. Ela ainda acrescentou: “E eu quero entender, se a pessoa falar comigo, me explicar, e eu olhar nos olhos dela e entender que ok, errou, tudo bem, eu também erro e não tenho problema nenhum em seguir”.

Continua depois da Publicidade

As falas da advogada impressionaram o apresentador. “Juliette, você, pela sua idade, é surpreendentemente madura, sensível e com senso de justiça, o que é raro. Você acabou conquistando o Brasil pela naturalidade, representando a mulher nordestina”, observou Faustão. No final, ele ainda deu um recado importante para a vencedora: “Não mude o seu sotaque, o seu jeito de ser. Todos seus concorrentes estavam lá detonando você, e o Brasil ESCOLHEU você”. Disse tudo!