Ludmilla se transforma em Rihanna no “Show dos Famosos” e faz apresentação IMPECÁVEL; Diogo Nogueira, Danielle Winits e Hugo Bonemer também encantam o público — veja as performances!

Shine bright like a diamond, Lud! Ontem (23), o Grupo B do “Show dos Famosos”, composto por Ludmilla, Danielle Winits, Diogo Nogueira e Hugo Bonemer, fez uma série de apresentações inspiradas, homenageando grandes nomes da música. Porém, quem se destacou foi a voz de “Cheguei”, que se transformou em ninguém menos do que a mulher mais rica do mundo da música: Rihanna!

Vestindo um moletom branco e usando peruca loira e lentes de contato verdes, Lud fez uma apresentação poderosa de “We Found Love”. “Antes de você perguntar, a coisa mais difícil de fazer desse número foi dançar uma música quebrada, que dá vontade de sair pulando, fritando, e nesse vídeo a Rihanna fica bem calma. Aí eu tava aqui, me segurando”, confessou a cantora, com toda a animação de quem tinha acabado de cantar o hit de uma de suas artistas preferidas.

“Eu fico de boca aberta contigo. A minha vontade era de te levar para casa”, se derreteu em elogios o jurado Miguel Falabella. E acrescentou: “Você vai além de simplesmente homenagear e interpretar, é uma coisa tão orgânica. Você se apropria da música com tanto talento. Fiquei de boca aberta! Eu queria te dar 11, mas vou te dar 10 porque não posso te dar mais”. Cláudia Raia também ficou impressionada: “Ela fez uma diva pop, tipo de música que ela canta, e ela mudou a voz, mudou o gestual dela, eu percebi na hora a coisa sinuosa da Rihanna. […] Ela guardou todos os truques, todo o gestual de Ludmilla, e trouxe para a gente a Rihanna”.

A única crítica de Boninho, foi que a caracterização de Lud não trazia as 20 tatuagens da musa homenageada, mas Ludmilla tratou de mostrar que não era verdade — até isso tinham copiado! “Acho que isso ajuda vocês a se encontrarem no personagem. Nota 10!”, disse o diretor, fazendo a cantora conquistar uma nota perfeita: 30 pontos dos jurados. Veja a apresentação completa, clicando aqui.

(Fotos: Reprodução/TV Globo)

Danielle Winits também encarnou outro nome importante do mundo pop, o cantor Boy George, e a escolha de “Karma Chameleon” trouxe um significado muito especial. “Fiquei emocionada no meio da apresentação. Eu descobri que quando escolhi fazer o Boy George, era a música preferida da Betty Lago, que era a madrinha do meu filho mais novo, e o aniversário dela seria dia 24 de junho. Não tem como não se emocionar”, explicou. Miguel Falabella também ficou emocionado, e elogiou a teatralidade que Danielle trouxe para o palco, dando 9.9 para a atriz.

“O que ela falou, tocou muito o meu coração”, disse Cláudia também. Apesar de alguns problemas de Winits com a afinação por conta do nervosismo, Cláudia concordou que a apresentação foi sensacional. “Foi teatral, foi alegre, foi para cima”, elogiou, dando 9.9 também. Boninho seguiu os outros jurados e deu a mesma nota. Confira a apresentação, clicando aqui.

(Fotos: Reprodução/TV Globo)

Diogo Nogueira também encantou ao encarnar Nelson Gonçalves e apresentar a música “A Volta do Boêmio”. “É muito difícil homenagear um personagem que você tem admiração e um respeito muito grande e não deixar essa emoção te dominar. Você tem que fazer com que as pessoas se emocionem com o personagem”, observou. Cláudia Raia exaltou a voz do astro: “Você é uma surpresa! […] Você é um belo ‘barítono’. Para quem não sabe em casa, é uma voz muito bonita e muito rara”. Diogo também conquistou 10 de todos os jurados, ficando nove décimos atrás de Ludmilla no ranking geral. Assista à performance, clicando aqui.

(Fotos: Reprodução/TV Globo)

Para completar a noite de apresentações, Hugo Bonemer fez sua interpretação do jurado do “The Voice”, Lulu Santos. Cantando “Tempos Modernos”, o ator caprichou na performance e arrancou muitos aplausos da plateia. “Um espetáculo! Você trouxe o timbre dele, o fraseado, a subversão das notas que ele mesmo compõe e que ele mesmo recompõe em cima da composição dele”, disse Cláudia Raia, que deu nota 10. Miguel chamou atenção para Hugo cantar a música justamente no dia da Parada LGBTQ+. “Ninguém nasce com ódio, ódio se aprende”, disse o jurado. “Se nasce gay, mas não se nasce com ódio”, concordou Hugo, arrancando mais aplausos. “Uma linda homenagem com essa música absolutamente pertinente no dia de hoje”, completou Miguel, também dando nota máxima.

Boninho observou que, talvez, Hugo tivesse sido um pouco caricato: “Lulu tem um jeito dócil de dançar, e você estava muito preocupado com as marcações”. Por isso, o diretor deu nota 9.8. Assista à performance, clicando aqui.

(Fotos: Reprodução/TV Globo)

A competição está entrando na fase semifinal; apenas os dois participantes com as maiores notas continuarão na disputa pelo prêmio. Para quem você está torcendo no “Show dos Famosos”?