Na GloboNews, Maria Beltrão dá bronca ao vivo em comentarista, e devolve argumento com resposta afiada: “Repetir até papagaio repete”; assista!

Lembra das broncas na escola? Pois é… Nesta terça-feira (23), ao vivo durante o “Estúdio I”, da GloboNews, Maria Beltrão teve de chamar a atenção do comentarista Octavio Guedes, que mexia no celular enquanto a apresentadora falava. A jornalista até lembrou dos seus tempos do magistério… e o puxão de orelha bombou nas redes sociais.

Beltrão e os convidados discutiam a investigação dos atos antidemocráticos de apoiadores de Jair Bolsonaro, quando Guedes começou a usar o aparelho. Mas a apresentadora cobrou pela atenção do debatedor na bancada. “Você vai me dar atenção ou vai continuar olhando para baixo como se eu não estivesse falando com você?”, disparou ela.

Maria Beltrão foi muito direta ao pedir pela atenção de Octavio Guedes enquanto ele mexia ao celular. (Foto: Reprodução/Globo News)

Prontamente, o comentarista tentou amenizar a atitude: “Eu posso repetir o que você tá falando”. Entretanto, Maria deu outra resposta afiada, justificando que Guedes precisava estar presente de fato na conversa. “Repetir não é digerir. Eu, como professora primária, sempre lembro disso. O aluno dizia: ‘Tia, eu posso repetir’. Repetir até papagaios repetem”, devolveu a apresentadora, que em sua carreira chegou a concluir o magistério no pré-profissional.

Apesar da tensão, logo em seguida Maria e Octavio levaram o assunto com bom humor. “Voltando então aqui, agora quero o seu olhar. Olho no olho”, disse a âncora do “Estudio I”. “Olhando agora. Vou olhar fixamente nos seus olhos. Não vou nem piscar”, brincou o jornalista em resposta. Assista ao momento aqui:

A atitude repercutiu muito na web e pegou várias pessoas de surpresa. “A comida de rabo ao vivo”, surpreendeu-se um usuário no Twitter. “Toma distraído, literalmente”, divertiu-se outro.

Muitos também se sentiram representados pela bronca, quase que sentindo como se o puxão de orelha tivesse atravessado a tela e partido para o público. Já pensou? “C*cete. Quase larguei o celular aqui também”, disse outro internauta.

Teve quem também fez jus aos tempos da escola, se identificando com a pessoa que só observa o circo pegar fogo. “Numa situação dessas, eu certamente seria esse camarada aqui”, comentou um perfil, referindo-se ao comentarista Daniel Sousa.

Mas Maria Beltrão não está sozinha! Foram vários os que confessaram que perdem a paciência quando estão praticamente falando com as paredes e um amigo fica distraído no celular. “Tem hora que o professor dentro da gente fala mais alto, já fiz isso em mesa de bar”, admitiu outra conta.

No entanto, alguns ficaram desconfortáveis com a postura repreensiva. “Maria Beltrão podia ter sido mais suave”, sugeriu uma conta na rede social. “A Maria Beltrão acabou de passar um sabão ao vivo no Octávio porque ele estava se atualizando pelo celular, coisa que ele sempre faz no ‘Estúdio i’. Que desnecessário”, opinou outro perfil. Olha só:

O jornalista Danilo Sanches avaliou a situação como uma mera interação causada pela proximidade entre Beltrão e Guedes. “Intimidade permite isso. Sou fã de Maria Beltrão e Otavio. trabalhei com ele no Extra”, escreveu ele.

No final das contas, uma coisa é verdade – estamos todos exatamente assim: