TV / Séries

Segundo Sol: Roberval gastará milhões para ter o pai como empregado, revela colunista

Victoria Nascimento - Publicado em 13/08/2018 às 10:08
Compartilhe: Compartilhar no Facebook Compartilhar no Twitter Compartilhar no Pinterest Compartilhar no Whatsapp Compartilhar no E-mail

Se vingança é um prato que se come frio, o do Roberval está congelado e pronto para ser servido. O personagem polêmico de Segundo Sol voltará a surpreender a família com mais um passo de sua vingança. Segundo o colunista Daniel Castro, ele gastará R$ 100 milhões para comprar a mansão dos Athayde e todas as suas dívidas, e transformar os parentes em seus empregados. Severo (Odilon Wagner), pai do ricaço, relutará em seguir as ordens do filho, mas ocupará o cargo de motorista.

Mas, claro, a compra do imóvel não será tão na cara. Sem saber que está negociando com um laranja de Roberval, Severo concluirá a venda da casa e conseguirá um cheque para quitar as dívidas da família. Será nesse momento que o ex-motorista aparecerá para revelar seu plano: “Quem lhe deu as chaves da minha casa?! Zefa [Claudia Di Moura]?”, questionará o patriarca. “Vejam só, a criadagem continua levando culpa por tudo que acontece nessa casa, será que nada muda por aqui? Não foi a Zefa, foi o Maurício, meu laranja nessa transação que o senhor acaba de fazer!”, dirá Roberval.

“Eu sou o verdadeiro comprador! Essa casa agora é minha!”, emendará. O personagem de Odilon Wagner, que já se humilhou para pedir dinheiro ao filho rejeitado, reagirá estarrecido diante do golpe. Roberval rasgará o cheque do pagam. “Sim, eu comprei até suas dívidas, não é impressionante? Todas elas! Mais de cem milhões em dívidas, entre empréstimos, contas e impostos atrasados a indenizações de funcionários e clientes da sua construtora falida! Agora o senhor só deve pra mim! O senhor vai passar o resto de seus dias como meu devedor. E eu como seu cobrador”, revelará o vingativo.

Maquiavélico, Roberval dirá que todos terão que se adaptar às novas funções como funcionários do empresário, que dará ao pai que o rejeitou o cargo de motorista, o mesmo que ocupou quando ainda não sabia que era um dos herdeiros do patrão. “Isso aqui não é uma família, é uma empresa familiar, a minha microempresa! Vocês são meus funcionários, cada um tem que cumprir uma função, tem que dar para receber. Zefa pode permanecer no mesmo cargo, de escrava de todos”, começará Roberval com seu discurso agressivo.

“Karen [Maria Luisa Mendonça] continua sendo a governanta de minha casa. Já Severo… Esse foi rebaixado, agora é o meu motorista!”, anunciará deixando o pai em choque. “Faça sua parte, Severo, tome as chaves e vá lavar meu carro, quero ele tinindo, brilhando feito um diamante, vou sair assim que terminar de almoçar”, ordenará o personagem de Fabrício Boliveira. “Mas que piadinha de mau gosto!”, retrucará o falido.

**Leia também: ‘Segundo Sol’: Edgar descobre segredo, promove quebra-quebra e faz exigência a Zefa!

Edgar ainda tentará defender o pai e implorará ao irmão: “Roberval, meu pai… Nosso pai já tem idade, ele tem problemas cardíacos”. “Eu não preciso de sua piedade, Edgar, sei o que devo fazer!”, disparará Severo do alto de toda sua arrogância. De acordo com a nota, As cenas estão previstas para ir ao ar a partir de 4 de setembro. QUE CENÃO!!

Tags: Segundo Sol