Caua (3)

Um Lugar ao Sol: Cauã Reymond dá spoiler sobre final da trama: “Eu me vingo”; assista

O ator afirmou que fez uma das cenas mais desafiadoras de sua carreira ao lado de Ana Beatriz Nobrega, que interpreta Elenice na trama.

Café da manhã com spoiler, é disso que o povo gosta! Nesta terça-feira (21), Cauã Reymond foi o convidado do “Mais Você” e bateu um papo com Ana Maria Braga sobre os próximos passos de “Um Lugar ao Sol”. O protagonista da trama ainda soltou uma informação sobre o desfecho do folhetim.

Na novela de Lícia Manzo, Christian nutre um ressentimento grande em relação à Elenice, personagem de Ana Beatriz Nogueira, por ela ter adotado Renato e abandonado o outro gêmeo em um orfanato. Cauã adiantou que o protagonista conseguirá se vingar da mulher no final do projeto.

Ela se mete onde não tem que se meter. Eu adoro a minha relação com a personagem da Ana, ela é muito interesseira, escaladora social, mentirosa“, explicou o ator. “Ela vai ser o empecilho aí… Não dá para adiantar nada?“, pediu Ana Maria.

Continua depois da Publicidade

O que posso dizer é que eu fiz uma das cenas mais desafiadoras da minha carreira com ela no final da novela. Eu posso adiantar que tem uma cena bem impactante. E que eu acho que sou bem mau, eu me vingo“, confessou o astro. “No final da novela? Agora vou ter que esperar, meu Deus do Céu!“, brincou a apresentadora.

Cauã também comemorou o trabalho pela complexidade de seus personagens na trama. “Eu tento não julgar os meus personagens. Antes de entrar em cena, eu me concentrava e entrava no universo do personagem para não julgar. Ele é muito ambíguo, um anti-herói. Tem humanidade, quer fazer o bem, mas vai se enrolando. Não tem noção da situação que ele está metido“, analisou.

Continua depois da Publicidade

No começo da carreira, você quer fazer o herói. Quando você faz o quarto, quinto herói, você diz: ‘Quero fazer o vilão!’. E aí vem essa oportunidade do Christian, que é um anti-herói… Essa novela foi o maior desafio que eu já tive“, continuou. “Um Lugar ao Sol” foi totalmente gravada antes de ir ao ar, o que trouxe vários obstáculos para os atores. “No dia que gravamos o capítulo 107, que é o último, gravamos também o 27. A gente fica perdido, eu gostaria de agradecer o trabalho dos continuadores“, disse.

Para quem não sabe, continuador é aquela pessoa que fala de onde o personagem vem, qual é a cena. Sem eles, a gente não conseguiria fazer isso. Até mesmo os diretores ficaram um pouco perdidos às vezes“, explicou o artista. Para que as cenas dos gêmeos ocorressem com mais naturalidade, o irmão de Cauã, Pável Reymond, foi escalado para ser o dublê do protagonista.

Continua depois da Publicidade

Foi muito emocionante. A gente perdeu a nossa mãe uns dois anos atrás e o sonho dela era ver a gente trabalhando juntos. A nossa mãe foi adotada pela nossa avó. E, por coincidência, a gente tá falando de adoção na novela. E foram muitas coisas da história da minha mãe que eu fui sabendo ao longo da novela“, contou.