Reporter Atropelada

Repórter é atropelada ao vivo na TV dos EUA, mas surpreende ao levantar e terminar transmissão: “Isso é TV ao vivo”; assista

Tori Yorgey estava prestes a falar no jornal quando foi atingida em cheio por um SUV

Tori Yorgey, uma repórter dos Estados Unidos, viveu uma experiência assutadora nesta quarta-feira (19). Enquanto estava ao vivo na TV, a jornalista foi atropelada por um carro. Apesar do susto, a profissional ainda conseguiu se recompor e falar sobre o caso.

Yorgey estava prestes a dar a notícia, quando foi atingida pelo veículo SUV, que até derrubou a câmera junto. “Ai, meu Deus! Eu acabei de ser atingida por um carro, mas eu estou bem, Tim”, contou ela ao âncora Tim Irr. Enquanto ainda estava no chão, a repórter explicou: “Estamos todos bem. Isso é a TV ao vivo pra você. Tá tudo bem”.

Reporter Atropelada3
A repórter foi atingida em cheio pelo carro. (Foto: Reprodução/WSAZ-TV)

A jornalista ainda brincou que nem foi a primeira vez que isso acontece com ela. “Na verdade, eu já fui atropelada por um carro na faculdade também, tipo assim. Estou muito grata por estar bem”, acrescentou. A motorista do carro logo veio se desculpar, mas Tori insistiu em garantir que a mulher estivesse bem. “Senhora, a senhora é tão doce e está bem”, comentou.

Continua depois da Publicidade

O apresentador quis saber onde Tori tinha sido atingida pelo carro, mas em meio à adrenalina, a repórter nem se deu conta. “Eu nem sei, Tim. Minha vida inteira passou diante dos meus olhos, mas isso é TV ao vivo e está tudo bem”, respondeu ela. “Eu pensei que estava num ponto seguro, mas claramente nós precisamos mexer a câmera um pouquinho”, completou. Por fim, Tori logo bateu a poeira, e voltou ao trabalho. Assista ao vídeo abaixo:

Passado o episódio, Tim Irr falou sobre o que havia acontecido e contou que Tori foi levada ao hospital. “Felizmente, Tori disse que está bem. Mas ela foi ao serviço de emergência para ser examinada, só por precaução”, contou ele. Após sua reação render críticas na web, o âncora justificou que não se assustou porque não conseguia assistir à cena. “Eu não consegui ver o que aconteceu. Só o áudio. Então, eu não estava convencido de que ela estava bem”, contou ele.

Continua depois da Publicidade

Para completar a história, tudo isso ainda aconteceu nos últimos dias de Tori Yorgey na emissora WSAZ-TV. A repórter trabalhará no canal apenas até sexta-feira (21), e já está de malas prontas para Pittsburgh, na Pensilvânia. Essa foi pra fechar os trabalhos com uma despedida inesquecível, hein?