‘Game of Thrones’: Criadores da série explicam fala emblemática de Missandei no final do quarto episódio; entenda!

[ALERTA DE SPOILERS!] Muita gente achava que o quarto episódio de “Game of Thrones” seria mais leve do que o anterior, “The Long Night”, que trouxe uma das batalhas mais longas da história da TV e mortes de personagens queridos. Porém, “The Last of the Starks” veio cheio de intrigas, momentos tristes e a surpresa da morte do dragão Rhaegal, além da melhor amiga de Daenerys (Emilia Clarke), Missandei (Nathalie Emmanuel).

A tradutora da rainha, que apareceu pela primeira vez na terceira temporada da série, foi capturada pela vilã, Cersei Lannister (Lena Headey), e executada impiedosamente na frente de Daenerys e seu exército, incluindo o Verme Cinzento (Jacob Andrews), par romântico de Missandei. A cena foi de cortar o coração, e veio após diversas súplicas de Tyrion (Peter Dinklage) para a irmã mais velha se render. No entanto, Missandei não morreu sem antes dizer suas últimas palavras… ou melhor, uma única palavra: “Dracarys”. 

Todo mundo que assiste “Game of Thrones” sabe que essa é a famosa ordem de Dany para que seus dragões incendeiem cidades e pessoas. Então, o que a aliada, natural das ilhas Naath, quis dizer com seu simples recado? De acordo com os criadores da série, David Benioff e D. B. Weiss, em depoimento durante o vídeo dos bastidores do episódio, a mensagem não tinha nada de simples: é fundamental para o futuro de Daenerys.

“Eu acho que o que estava ecoando na cabeça da Dany naqueles momentos finais, é a última palavra de Missandei. ‘Dracarys’ é claramente destinado à Dany. Missandei sabe que sua vida chegou ao fim e está dizendo: ‘Coloca fogo neles'”, revelou David.

No Twitter, Nathalie, intérprete de Missandei, repetiu a palavra de sua personagem, e ainda acrescentou: “Queime a va**a!”.

Aqui, a gente pode traduzir pra…

Queima o quengaral todo, Dany! Assista abaixo ao vídeo completo com entrevista dos criadores da série: