Grey’s Anatomy: Novo e dramático teaser da 16ª temporada mostra desenrolar do desaparecimento de Jackson e Meredith ‘desmascarada’: ‘Orange is the new Grey’

A expectativa para a 16ª temporada de “Grey’s Anatomy” só aumenta! Nessa quinta-feira (05), a ABC liberou mais um teaser bem tenso e dramático dos novos episódios. Já havíamos visto um pouco do destino da Meredith no primeiro trailer, mas agora também vamos ver o desenrolar do que aconteceu com nosso amado Jackson Avery.

Para quem não se lembra, o final da 15ª temporada mostrou o cirurgião plástico se perdendo no meio da névoa que caiu sobre Seattle. Nos novos episódios, a busca por ele será intensa. Pelo trailer, vemos Maggie chamando por ele em uma estrada perto de um penhasco e demonstrando que o encontrou inconsciente. “Ele está lá embaixo”, diz ela. “Ele está vivo?”, alguém pergunta, quando já há ambulâncias no local.

Recentemente, a showrunner da série, Krista Vernoff, já havia adiantado que saberíamos o destino do personagem de Jesse Williams assim que a atração voltasse. “O que aconteceu com o Jackson na névoa será respondido quase que imediatamente no primeiro episódio”, garantiu. E acrescentou: “Tudo tem grandes riscos e consequências, e mesmo assim, nós estamos mantendo vivo o senso de humor, o senso de diversão, o senso de alegria que nós temos trabalhado nos últimos anos”. Ufa!

O novo teaser ainda mostra Meredith fazendo serviço comunitário após a demissão do Grey Sloan Memorial Hospital. Ela responde uma conhecida dizendo que esse é um tipo de trabalho voluntário, mas logo é “desmascarada” pela supervisora das atividades. “Laranja é o novo Grey”, diz o vídeo, fazendo um trocadilho com o sobrenome da médica e a sua tradução, cinza. Assista:

A 16ª temporada estreia no dia 26 de setembro e, segundo Krista, a nova leva de episódios do seriado médico falará de políticas de imigração e do sistema de saúde “quebrado” do país.

A responsável pela atração afirmou que este é um assunto muito atual, e que os roteiristas da série estão se informando de todos os aspectos para escrever episódios condizentes com a realidade. “Nós precisamos nos educar a respeito das realidades que os médicos enfrentam, e o que funciona bem em nosso país, e o que está quebrado. Essa é uma parte essencial das nossas conversas nesta temporada, mas tudo começa com a personagem. Tudo começa com o que nós vamos fazer com a Meredith agora? Ela acabou de ser demitida. Sua licença médica está potencialmente ameaçada por sua decisão, e seu namorado está na cadeia”, relembrou. Realmente… Mer está prestes a enfrentar dias difíceis, hein? Isso que nossa amada cirurgiã já sofreu um acidente de avião e perdeu o marido!

Outro assunto que está sendo muito discutido nos Estados Unidos, é uma reforma nas leis de porte de armas. Será que esse assunto também será abordado na série? “Os roteiristas e eu estamos falando sobre armas há um bom tempo — desde que o movimento ‘this is my lane’ aconteceu, quando a NRA disse aos médicos para ficarem ‘em seu quadrado’, e houve uma revolta da comunidade médica de ‘esse é o meu quadrado’: ‘Aqui está uma foto da minha sala de operações cheia de sangue; aqui é onde eu sento e digo aos pais que seus filhos estão mortos, essa é a cadeira que sento, esse é o meu quadrado”. 

A showrunner prosseguiu: “Nós lemos tudo isso e pensamos: ‘Nosso seriado é sobre médicos, e isso é o que está acontecendo na comunidade médica hoje, como nós trazemos visibilidade para essa epidemia, e como nós fazemos isso nos baseando nos personagens, e não no nosso desejo de fazer uma declaração política?”. E acrescentou: “Há um episódio na temporada passada em que uma criança foi baleada por alguém em um desfile, e há um grupo de gaiteiros e o pai dele, que diz: ‘Oh, meu Deus, como isso é possível? Como o meu filho talvez morrerá e nenhuma lei mudará?’. Tudo isso nasceu disso. E nós vamos continuar explorando jeitos de dar visibilidade para as crises que nossos médicos enfrentam todo dia”.