William Bonner viraliza na web após ler nota da Rede Globo sobre ida de Regina Duarte para a Secretaria de Cultura: “Recebeu aviso prévio ao vivo”; vem ver!

William Bonner virou assunto nas redes sociais na noite dessa segunda-feira (20) após ler o comunicado que a Rede Globo emitiu sobre o convite de Bolsonaro para Regina Duarte assumir a Secretaria de Cultura. Na nota, a emissora deixa claro que a atriz deverá rescindir seu contrato caso deseje aceitar o cargo.

O comunicado, emitido pela Globo à tarde, e lido na íntegra por Bonner no Jornal Nacional, diz: “A atriz Regina Duarte tem contrato vigente com a Globo e sabe que, se optar por assumir cargo público, deve pedir a suspensão de seu vínculo com a emissora, como impõe a nossa política interna de conhecimento de todos os colaboradores”.

Confira o trecho:

Não demorou muito para o momento viralizar nas redes sociais. “Se tá ruim pra você, imagina para a Regina Duarte que recebeu aviso prévio ao vivo no Jornal Nacional”, comentou uma internauta.

“Gente, impressão minha ou o Bonner demitiu a Regina Duarte AO VIVAÇO?”, questionou uma usuária do Twitter. “E a Regina Duarte hein, que o Bonner leu um comunicado mandando ela pedir demissão da Globo. Ao vivo”, publicou outro, com um gif de um menino dando risada.

O comunicado vem após a notícia de que a atriz foi convidada para assumir a vaga deixada por Roberto Alvim, como secretária de Cultura. Nessa segunda-feira (20), Regina se encontrou com o presidente Jair Bolsonaro no Rio de Janeiro e anunciou que estará em Brasília na próxima quarta (22) para conhecer a Secretaria Especial da Cultura do governo federal.

“Tivemos uma excelente conversa sobre o futuro da cultura no Brasil. Iniciamos um ‘noivado’ que possivelmente trará frutos ao país”, publicou o presidente no Twitter.

De acordo com informações obtidas pelo “G1”, a atriz considera que está quase tudo certo, mas quer ir a Brasília conhecer mais sobre o cargo, antes de decidir se aceita o convite. Segundo o “Correio Braziliense”, Duarte teria confirmado a Bolsonaro e ao ministro-chefe da Secretaria de Governo, Luiz Eduardo Ramos, que daria entrada na solicitação de rescisão contratual com a TV Globo.

O atual vínculo da artista com a emissora iria até junho, mas ela manifestou o desejo de embarcar no projeto e abraçar a política cultural. Já estamos no aguardo dos próximos capítulos!