Entrevista: Little Mix relembra passagem pelo Brasil, detalha clipe que seria gravado aqui, fala de possível parceria com Pabllo Vittar, e dá spoiler de novo single! Vem assistir!

Já tá com saudades de Little Mix no Brasil, né, minha filha? Parece que faz séculos, mas Jesy Nelson, Leigh-Anne e Jade Thirlwall desembarcaram para seu primeiro show no nosso país há apenas três meses! Perrie Edwards infelizmente não pôde vir por questões de saúde… mas não tem problema, porque o hugogloss.com bateu um papo maravilhoso com ela e Jesy para falar tudo sobre a nova era!

Nelson relembrou a passagem pelo nosso país e a impressão maravilhosa deixada pelos fãs, e Edwards deu detalhes sobre o clipe que o grupo iria gravar aqui, mas que precisou ser cancelado. Elas ainda falaram sobre as inspirações por trás de “Break Up Song”, deram um spoiler do novo single, e contaram sobre os bastidores do talent show “The Search”, que traz as quatro integrantes como juradas.

PASSAGEM PELO BRASIL

“Foi literalmente a experiência mais surreal que eu já vivi, desde que o Little Mix começou. Foi uma sensação dúbia, obviamente pelo fato de a Perrie não ter ido. Então, não foi a mesma coisa do que ter ela vivendo essa experiência com a gente, mas ao mesmo tempo foi incrível”, elogiou Jesy sobre a viagem. “Nunca tínhamos ido ao país, e os fãs são tão dedicados e esperaram por tanto tempo [pelo show]… A sensação era de que todos os Little Mixers do Brasil tinham ido nos assistir”, completou ela.

O grupo passou por aqui no começo de março e fez um show em São Paulo no Dia Internacional da Mulher. “Estávamos pegando sol no hotel e conseguimos ouvi-los (os fãs) cantando cada uma das músicas do álbum. Foi uma loucura! Eles são absolutamente incríveis. Foi um dos shows que mais gostei de fazer, um dos meus favoritos, mas como eu disse não foi a mesma coisa que seria caso Perrie tivesse ido com a gente”, declarou a musa.

Assim como Jade e Leigh-Anne fizeram durante as entrevistas no país, Perrie e Jesy foram só elogios para a nossa diva Pabllo Vittar. “Claro, todos nós sabemos quem ela é. Ela é maravilhosa, incrível!”, exaltou Jesy. Se uma parceria pode rolar no futuro? “Com certeza, definitivamente!”, completou ela. Perrie ainda acrescentou que, além de Pabllo, também conhece Anitta!

A loira, então, falou sobre os planos cancelados no país. “A princípio, nossa viagem para o Brasil seria muito mais longa do que foi. Nós íamos fazer o show, o ensaio fotográfico para o álbum, e gravar o vídeo de mais um single. O plano inicial era esse, mas a quarentena estava começando a acontecer. Então acharam que era melhor reduzir a viagem porque teria o risco de viajarmos e não conseguirmos voltar para casa depois. Eu obviamente não podia ir a lugar algum [por estar doente], mas é isso. Todo mundo ficou curioso mesmo”, explicou ela.

Perrie revelou que o clipe seria para o segundo single do próximo álbum do grupo, o sexto da carreira delas. “Que, por sinal, vocês todos vão definitivamente amar”, adiantou. Jesy ainda deu um pequeno spoiler do que os mixers podem esperar da canção. “Ela tem tudo a ver com o momento em que vai ser lançada”, contou. Será que teremos uma música pra combinar com o verão no hemisfério norte? Ou pra alguma data específica? Estamos morrendo de curiosidade aqui!

BREAK UP SONG

Co-escrita por Perrie, Jade e Leigh-Anne, “Break Up Song” foi escolhida como o lead single da nova era de Little Mix e mostra uma visão divertida sobre um término de namoro. “Acho que ter o seu coração partido é um lugar comum para a maioria das pessoas. Se sentir mal, se sentir doente, ficar sem fome, sentir que a única pessoa que poderia diminuir o seu sofrimento é justamente aquela pessoa… Então, por mais que às vezes você queira curtir uma fossa e ouvir músicas tristes, nós somos a favor de fazer com que as pessoas se sintam muito bem depois de um término. Queremos que você pense: ‘Ah, quer saber? A fila anda!’. Que você saia com seus amigos, se sinta bem com você mesma e se sinta empoderada. Que você se divirta! Era para ser uma música de término que fosse feliz, que você se sentisse bem no final”, descreveu Jesy.

A música traz uma vibe dos anos 1980, que estamos ouvindo bastante nas produções atuais, mas surpreendentemente, foi composta bem antes desse ‘boom’. “Na verdade é muito estranho porque as meninas tinham escrito ‘Break Up Song’ séculos atrás, e ficamos meio sem saber o que fazer com ela. Porque não sabíamos como ia ser o novo álbum, como iam ser os singles, então obviamente elas continuaram compondo músicas, porque não sabíamos quando íamos lançar… Então se passou literalmente um ano e de repente todo mundo começou a lançar músicas com influência dos anos 80. Dua Lipa, The Weeknd… E nós ficamos tipo: ‘Que droga!'”, brincou Nelson.

O clipe foi lançado algumas semanas depois e, por conta da quarentena, teve que ser gravado com as meninas separadas, cada uma em sua própria casa. “Bom, eu não sei você Perrie, mas foi uma das coisas mais estressantes que eu já tive que fazer”, confessou Jesy, dando risada.

“Obviamente não fomos nós que fizemos o vídeo dar certo. Os diretores se encarregaram disso, então eles fizeram o trabalho duro. Mas em termos de termos que nos filmar, a quantidade de coisas que tínhamos que fazer, e ainda fazer nosso próprio cabelo e maquiagem, e nós nos vestimos de uma certa maneira. Então não era só ‘nós sendo nós mesmas’. Era muita coisa. Mas fora isso, não temos mais muito o que fazer enquanto estivermos de quarentena. Foi divertido, mas estressante”, completou ela.

THE SEARCH

Por fim, as meninas falaram sobre o adiamento da estreia de ‘The Search’ por conta da pandemia do novo coronavírus e comentaram os bastidores das gravações do talent show. “Nós nos divertimos tanto gravando ‘The Search’! Acho que sempre foi um sonho nosso, termos a oportunidade de sermos juradas. E nunca quisemos fazer isso individualmente, sempre falamos que se pudéssemos fazer isso como um grupo seria épico! Então quando surgiu a oportunidade topamos na hora”, afirmou Jesy.

“E sabe, eu acho que é difícil porque entendemos completamente como eles se sentem porque estivemos do outro lado. Mas ao mesmo tempo, pela maneira com que fazemos tudo, e como tratamos eles, e todo apoio e suporte da equipe, eu sinto que eles têm mais tranquilidade do que se estivessem fazendo testes para outros programas, talvez. Nós tentamos fazer com que eles se sintam o mais confortáveis possível. E quando eles nos conhecem, nos tratam como se fôssemos amigos, o que é incrível! E honestamente, o talento deles é absurdo, não é Perrie?”, perguntou para a amiga.

“Sim é demais. Honestamente, eu mal posso esperar para que as pessoas possam assistir! Eu acabei de assistir ao primeiro, com a edição final”, revelou Perrie. “Acho que não se vê um programa de TV assim há muito tempo. É muito atual, não tem uma sensação artificial, é muito real. E acho que é isso que as pessoas vão amar sobre ele. Dá para ver como nós nos importamos com os competidores, e é isso. É um programa muito legal e divertido”, completou Jesy.

As duas entregaram que são as mais críticas na hora das avaliações dos candidatos e que Leigh-Anne foi a que mais se emocionou nas apresentações. “Nós somos mais objetivas. Sabemos o que queremos, não ficamos enrolando. Eu diria que Leigh-Anne tem o coração mais mole, o que não é novidade para ninguém”, contou Jesy. “Sim, ela chorou muito”, concordou Perrie. “Jade tem um pouco dos dois, ela é boa sendo mais sensível, mas também é boa sendo mais crítica quando é necessário. Todas nós ‘interpretamos bons papéis’ o que acho que é bem necessário”, concluiu Nelson.

Assista à entrevista na íntegra: