Alec (4)

Alec Baldwin: Armeira do set culpa produção por acidente fatal, e afirma que estava sobrecarregada

Mais desdobramentos do caso envolvendo Alec Baldwin… A armeira do set do filme “Rust”, Hannah Gutierrez-Reed, apontou a culpa da produção na tragédia que aconteceu nos bastidores. Em um comunicado, divulgado pelos advogados da moça nesta sexta-feira (29), ela também se disse devastada pelos eventos que culminaram na morte da diretora de fotografia Halyna Hutchins.

De acordo com os defensores, Hannah “está devastada e completamente fora de si com os eventos que ocorreram”. “Segurança é a prioridade número um de Hannah no set. No final das contas, esse set nunca teria sido comprometido se munição real não tivesse sido introduzida. A Hannah não tem ideia de onde as balas de verdade vieram“, continuaram, segundo o TMZ.

Os advogados disseram, ainda, que a armeira garante ter trancado a arma durante a noite e no horário de almoço. Eles ainda culparam os produtores por terem, supostamente, sobrecarregado Gutierrez-Reed com trabalho. “A Hannah foi contratada para duas funções nesse filme, o que tornou extremamente difícil de focar em seu trabalho como armeira“, afirmaram eles.

Continua depois da Publicidade

Ela lutou por treinamento, por dias para manutenção das armas e por tempo adequado para se preparar para o tiroteio, mas acabou sendo rejeitada pela produção e pelo seu departamento. Toda a equipe de produção ficou sem segurança por conta de muitos fatores, inclusive a falta de reuniões de segurança“, relataram os advogados.

O comunicado ainda esclarece que, supostamente, ocorreram dois tiros errados no dia anterior à tragédia. “O primeiro neste set foi o prop master e o segundo foi um dublê, depois de Hannah informar que sua arma estava carregada com ‘blanks’ (tipo de cartucho de arma que contém pólvora, mas não tem bala)”, escreveram. As autoridades já definiram que houve erros no set, mas ainda não se sabe se acusações criminais serão feitas. Segundo o xerife, aconteceu “complacência” por parte da produção.

Alec (3)
Dave Halls e Hannah estão sendo investigados por possível negligência. (Fotos: Reprodução)

Baldwin se defende nas redes sociais

Em meio a toda essa polêmica, Alec Baldwin tem compartilhado no Twitter, matérias afirmando que ele não sabia sobre a arma estar carregada no momento do disparo. O ator retuitou nesta quarta-feira (27), um artigo com o título: “Arma entregue a Alec Baldwin não foi checada completamente“. O texto focou em documentos divulgados pelo TMZ, que denunciava problemas de segurança na produção do filme “Rust”.

Segundo o site, o assistente de direção Dave Halls admitiu aos policiais que não inspecionou o equipamento para ver se ele tinha balas reais antes de entregá-lo para Baldwin. Apesar do astro não ter se manifestado publicamente desde os tuítes postados no dia seguinte à tragédia, seus compartilhamentos demonstram sua preocupação em reafirmar sua inocência.

Alec Baldwin Halyna Hutchins
Alec Baldwin e Halyna Hutchins. (Fotos: Getty)

Continua depois da Publicidade

Como já citado, a armeira Hannah Gutierrez-Reed disse à polícia que, antes da gravação da cena em que ocorreu o acidente fatal e durante o intervalo para almoço, a arma estava trancada em um local seguro, ao qual poucas pessoas tinham acesso. A pergunta que se mantém é: como uma munição real foi parar dentro do instrumento que deveria ser apenas cênico?

Ainda segundo o TMZ, fontes afirmaram que a arma era usada, às vezes, para recreação e prática de tiro ao alvo. Na quarta-feira, o gabinete do Xerife do distrito de Santa Fe e o Procurador Distrital promoveram uma coletiva de imprensa, e afirmaram que acusações ainda podem ser feitas contra qualquer um dos envolvidos. Eles disseram, ainda, que investigarão as versões de Halls e Gutierrez-Reed para determinar se houve alguma negligência.