Cameron Diaz se abre sobre afastamento de Hollywood e explica por que talvez nunca mais trabalhe na área: ‘Não sinto falta de atuar’

Afastada da atuação e dos holofotes desde 2014, quando estrelou o remake de “Annie”, Cameron Diaz resolveu se abrir à edição especial de 25 anos da “InStyle”. Em texto publicado pela revista, nesta terça (6), a atriz disse estar satisfeita com a vida mais tranquila e longe dos olhos do público.

Eu comecei a sentir a fama quando eu tinha 22 anos, então há 25 anos – isso é muito tempo. A maneira como enxergo isso é que dei mais da metade da minha vida para o público. Eu sinto que está tudo bem para mim ter tempo agora para me reorganizar e escolher como eu quero voltar [para esse mundo]. Se eu decidir“, começou ela, deixando claro que talvez nunca mais retome a carreira de atriz.

Eu não sinto falta de atuar. Agora estou focada no meu bem-estar. Mas seja o que for que eu faça, tem que ser algo pelo qual eu seja apaixonada – algo que simplesmente pareça não ser um esforço. […] É divertido simplesmente não ter ninguém sabendo o que estou fazendo. Porque meu tempo é todo meu. Não estou promovendo nenhum filme e, como não estou vendendo nada, não preciso dar nada a ninguém. Eu não estou mais fazendo isso. Eu estou vivendo minha vida“, reforçou.

Cameron – que não é de publicar muita coisa em suas redes sociais – também questionou a forma como as pessoas têm usado os celulares. “Eu olho para a tecnologia agora e é inacreditável. Claro, você pode postar qualquer coisa a qualquer momento no Instagram e você é capaz de controlar sua própria narrativa, e isso é incrível. Mas você está preso ao seu telefone e depende muito dele. Nós exportamos toda a nossa capacidade cerebral para esta pequena coisa que carregamos em nossas mãos. Perdemos contato com nossa humanidade, e acho que é realmente saudável não ter que prestar contas de cada minuto do nosso dia“, argumentou ela, cuja a última foto na rede é datada de 2 de maio, deste ano.

Por fim, a loira se derreteu ao falar sobre o seu casamento com o roqueiro Benji Madden. Os dois trocaram alianças em janeiro de 2015, numa cerimônia íntima, depois de namorarem por apenas sete meses. “Casar com ele foi a melhor coisa que já aconteceu comigo. Meu marido é o melhor. Ele é o maior ser humano e é meu grande parceiro. O casamento é certamente difícil, e requer muito esforço. Você precisa de alguém que esteja disposto a fazer esse esforço junto a você, porque não dá pra ter 60 x 40% no casamento. É 50-50 e ponto final. O tempo todo“, refletiu.

Cameron e o marido Benji Madden, ao lado da escritora Vicky Vlachonis em Los Angeles (Foto: Jason Kempin/Getty Images)

Ela prosseguiu, elogiando o guitarrista e vocalista do “Good Charlotte”. “Não sei se estava pronta [quando me casei], mas sabia que Benji era especial. Ele é um bom homem. Não há picuinhas. É muito leve. Eu sou muito grata por ele“, concluiu. Gente! Que moral, hein?!