Famosos

Chris Brown é acusado de cometer crime ambiental e enfrenta processo na Justiça; saiba detalhes!

Raphael Amador - Publicado em 27/12/2018 às 18:52
Compartilhe: Compartilhar no Facebook Compartilhar no Twitter Compartilhar no Pinterest Compartilhar no Whatsapp Compartilhar no E-mail

Vixeeee, parece que o ano novo vai ser um pouco conturbado para o astro Chris Brown, que se viu envolvido em mais uma polêmica. Segundo informações divulgadas pelo TMZ nesta quinta-feira (27), o cantor foi acusado de cometer crime ambiental por ter mantido em sua casa um filhote de macaco capuchinho.

De acordo com documentos obtidos pelo site, a Procuradoria da Cidade de Los Angeles está multando o rapper por ter uma espécie restrita sem permissão em sua residência. Como informou o TMZ, Brown pode pegar até seis meses de prisão pelo crime.

No final do ano passado, Chris Brown comprou o bebê macaco, chamado Fiji, para a filha Royalty e chegou a postar vídeos nas redes sociais. Alguns seguidores logo apontaram que o animal representava um perigo para a criança e que ele estaria melhor livre na selva do que na casa do astro. Na época, segundo o TMZ, o rapper afirmou que o macaco pertencia a ele e não à filha, já que o animal ficaria em sua residência.

Chris Brown foi acusado de cometer crime ambiental por manter sem permissão filhote de macaco em sua casa. (Foto: Ser Baffo/Getty Images for BET)

Como informou a publicação, algumas pessoas notificaram o Departamento de Pesca e Vida Selvagem da Califórnia, que deu início a uma investigação. Como o rapper não tinha permissão para manter Fiji em sua casa, as autoridades receberam um mandado de busca para pegar o animal. Entretanto, Brown voluntariamente concordou em entregar o macaco.

A voz de “To My Bed” vai responder pelo crime na Justiça norte-americana e terá que comparecer ao tribunal no dia 6 de fevereiro, segundo o TMZ.

*Leia também:

– Rihanna posta foto sensual, Chris Brown comenta e fãs da diva se revoltam!