John Legend relembra “histórico de traições” antes de ficar com Chrissy Teigen: “Era desonesto e egoísta”; Cantor entrega que ele e a esposa tinham outros relacionamentos quando se conheceram

Teu passado te condena, hein, John Legend?! Kkkk Durante sua participação no podcast “Armchair Expert”, de Dax Shepard, o cantor relembrou seu passado paquerador e confessou que criou uma “estratégia” para trair suas namoradas da época sem “dor na consciência”. O artista ainda revelou como tudo mudou quando conheceu sua atual esposa, a modelo Chrissy Teigen.

No bate-papo, o apresentador observou como as músicas de John relembravam uma traição do seu passado, e se perguntou se as letras tinham alguma inspiração pessoal. “Sim, eu tive um histórico de traições. Definitivamente na casa dos 20 anos”, entregou. “Acho que o que aconteceu comigo, e que você enfrenta em boa parte da sua vida na adolescência, eu era mais novo do que todo mundo no ensino médio e na faculdade, então eu simplesmente não conseguia muitas garotas. Quando comecei a chamar essa atenção, adorei”, revelou.

E John Legend não dava ponto sem nó, não! Para não enfrentar o rótulo de “traidor”, ele estabelecia um padrão de comportamento que, de certa forma, iria legitimar suas “puladas de cerca”. “Eu escapei de ‘trapacear tecnicamente’ mantendo meus relacionamentos sem status definidos, mas estava realmente trapaceando. Eu definitivamente era desonesto e egoísta… Isso acontecia antes de eu ser famoso”, recordou.

John Legend e Chrissy Teigen se casaram em 2013, e são pais dos pequenos Miles e Luna. Foto: Getty

Mas como um belo enredo de comédia romântica, Chrissy Teigen apareceu na sua vida e tudo mudou. “A certa altura, você acaba percebendo que está mais feliz em ser honesto. Você é mais feliz sendo fiel e apaixonado por uma pessoa. Em um determinado momento, eu apenas decidi que essa pessoa era Chrissy. Decidi que não iria mais mexer com outra pessoa”, falou.

A atração que um sentiu pelo o outro foi logo de cara, mas o cantor e a modelo assumiram o relacionamento sério posteriormente. “Já conversamos sobre isso antes, mas fizemos sexo na primeira noite e nos demos bem. Nós dois estávamos vendo outras pessoas na época. Havia uma certa folga no começo, mas nos apaixonamos pouco tempo depois disso”, explicou.

John Legend falou como é ser um casal tão famoso, principalmente na internet, e que isso o motiva a ter seu “melhor comportamento”. “Sinto que se tornou muito menos provável que eu faça qualquer coisa para ferrar com tudo. Chrissy tem 12 milhões de seguidores no Twitter. Se eu fizesse alguma coisa, seria suicídio na carreira. Seria terrível. Apenas lhe dá outro motivo para não ferrar com as coisas”, brincou.