Naomi Campbell é proibida de entrar em hotel e acusa estabelecimento por racismo; entenda

Não dá pra acreditar que em pleno 2019 isso ainda acontece… Em entrevista à revista Paris Match, Naomi Campbell revelou que participaria de um evento em um hotel, mas ao chegar no local, foi proibida de entrar, segundo a estrela, por conta da cor de sua pele.

A supermodelo de 49 anos confessou ter passado pela situação de racismo em um hotel francês, após um dos funcionários do estabelecimento impedir sua entrada, alegando que o local estava “cheio”, enquanto deixava outras pessoas (de pele branca) passarem. O episódio ocorreu durante o Festival de Filme de Cannes.

“Eu estive recentemente em uma cidade no sul da França onde fui convidada a participar de um evento em um hotel que não revelarei o nome. Eles não me deixaram entrar junto com um amigo porque sou negra. O cara na entrada disse que o lugar estava lotado, mas deixou outras pessoas entrarem”, ela lamentou.

A revelação veio à tona após Naomi ser questionada sobre como se sentia ao saber que abriu portas para muitas modelos da nova geração em termos de diversidade.

A inglesa, que luta por diversas causas, como o fim da pobreza, disse que continuará se expressando, de maneira que mais pessoas a ouçam. E tudo isso por conta de momentos humilhantes como esse pelo qual passou, diversas vezes ao longo de sua vida.

Continua depois da Publicidade

“Eu tinha que lutar para receber o mesmo que as pessoas brancas recebiam por fazer o mesmo trabalho”, relembrou ela em uma entrevista para a “Vogue Austrália”, ao falar do início de sua carreira. “A palavra ‘diversidade’ está em muitos lugares hoje, mas não existia quando eu comecei. Eu sempre quis que as pessoas fossem tratadas de forma mais igualitária”, relatou Campbell.

View this post on Instagram

So much joy coming to Senegal to support The @seedproject, founded by #AmadouGalloFall, President of @NBA Africa. SEED is an International non-governmental organization that uses sport as a mechanism to identify, cultivate and educate future leaders. With the involvement of organizations like #Nike and the #NBA, their Annual Hoop Forum is a week full of sports and community, with a focus on the importance of social leadership, how to prepare for higher education and how to use the tools learned to aid in the economic development of your native land. I absolutely love what #TheSEEDProject is doing, and the discussion they’re driving within the community; to empower young African people to realize their potential for education and leadership.  I feel this is a conversation to be heard around the world, which is why I’m so honored to be involved with SEED’s initiatives. ?? #NAOMIAFRICA ??

A post shared by Naomi Campbell (@naomi) on

Ainda não é algo completamente balanceado“, prosseguiu, criticando a indústria. “Eu sou o rosto de uma nova campanha e recebi a notícia de que um país não usaria a foto por causa da minha pele… isso para mim foi um choque de realidade. Agora eu quero que as modelos [negras] tenham as mesmas oportunidades e o mesmo salário que as outras“. Tá certíssima!

Não é à toa que ela se tornou uma das mulheres mais poderosas da indústria, né?