Fotojet (3)

Paulo Gustavo: Dona Déa, Tatá Werneck, Mônica Martelli e mais amigos fazem homenagens emocionantes para humorista em aniversário de um ano da morte

Ator nos deixou aos 42 anos de idade, vítima das complicações da Covid-19

Um dia de muitas — e merecidas — homenagens. Nesta quarta-feira (4), a triste e precoce morte do ator Paulo Gustavo, aos 42 anos de idade, completou um ano. Um dos maiores nomes da comédia no país, o artista entrou para a estatística das milhares de vítimas que nos deixaram por conta da Covid-19. Como não poderia deixar de ser, seus amigos, familiares e fãs fizeram questão de lembrá-lo nesta data, agradecer pelos momentos vividos e exaltar o legado brilhante de seu trabalho.

Juliana Amaral, irmã de PG, concedeu uma tocante entrevista para o jornal O Globo hoje. Em seu perfil no Instagram, ela compartilhou a matéria junto da legenda: “Muita saudade, irmão! Te amo pra sempre!”. Ao G1, ela falou do carinho que a família sempre recebe dos fãs do ator. “Acho que ele foi muito feliz e competente no que se propôs, pois recebo inúmeras mensagens de fãs. São relatos muito sensíveis e emocionantes, como, ‘Graças a seu irmão, meus pais me aceitaram’, ‘Graças a seu irmão e a personagem Dona Hermínia, eu aceitei o meu filho’, ‘Eu amo a sua família, seu irmão é amor e luz’, ‘Seu irmão me curou da depressão’, e tantos outros”, revelou.

Déa Lúcia Amaral, mãe do artista, compartilhou uma imagem em que dizia: “Não é verdade que tudo passa… Tem coisas que ficam dentro de nós para sempre”. Na legenda, ela completou dizendo que sentia muitas saudades do filho e usou diversos emojis. Thales Bretas, viúvo de Paulo Gustavo, participou do “Mais Você” ontem com um desabafo sensível sobre como tem sido seguir a vida sem o amado ao seu lado. Hoje, ele publicou uma foto da família reunida, com os filhos Gael e Romeu.

Continua depois da Publicidade

“A negação não ajuda no processo do luto. Faz parte, é inevitável, mas não te move. O que me moveu e move é o amor pelos meus filhos, pelo meu trabalho, pela minha família, pela vida que continua, e pelo privilégio de poder gozar, com saúde, de tudo que Deus me dá e que, sem o menor aviso prévio, também pode me tirar. A saudade é imensa, o amor é eterno, o laço que tivemos e toda história que construímos são infinitos! A nossa experiência, aqui na Terra, é passageira e imprevisível, e com o PG aprendi a viver o presente, o hoje como se não houvesse amanhã, sem precisar ser inconsequente! Obrigado, meu amor, por me fazer tão feliz e me deixar um presente (dois) e um futuro tão lindos!”, escreveu em um trecho.

Tata Werneck, uma das melhores amigas de Paulo Gustavo, também se abriu sobre a saudade e a dificuldade em lidar com a ausência do ator em sua vida. “Me pergunto como você deve estar. Eu sonho com você quase todo dia . Você já aparece com cara de ‘fala, gente. Eu tava descansando’. Eu fico te perguntando nos sonhos sobre tudo. Você me diz que está bem. Já até gargalhou algumas vezes. Você deve estar satisfeito por ver tanta gente que te ama. Deve estar p*to por ver gente que não era amiga se fazendo. Deve tá bolado quando alguém posta foto sua que você acha que não saiu bem. Você deve estar fazendo comentários incríveis. Sua maneira de ver a vida fez história. Sua vida fez história. Você é vida pura. Eu amo você”, finalizou.

Confira outras homenagens feitas nas redes sociais:

Mônica Martelli:

“04 de maio. Um ano sem você, um ano sem a sua alegria. Um ano sem ouvir sua voz todos os dias. Um ano sem fazer planos e projetos com você. Um ano sem ouvir suas opiniões sobre minha vida. Um ano sem fofocar nas madrugadas. Um ano sem rir de passar mal. Um ano sem um gênio que a vida me deu a oportunidade de conviver. Você faz muita falta meu amor. É difícil de entender. A vida sem você não é igual. Mas tudo que nós vivemos está fortemente guardado. Pra sempre”. 

Continua depois da Publicidade

Samantha Schmutz

“Paulo… São tantas coisas que gostaria de dizer, que resolvi apenas agradecer pela oportunidade de caminhar ao seu lado por muitos anos da minha vida… Agradecer por merecer te amar e ser amada por você”.

Caroline Trentini

“Tudo é diferente sem você. TUDO! 1 year without you, I miss you everything single day [Um ano sem você, eu sinto sua falta todos os dias]”.

Susana Garcia

“Meu querido, hoje faz um ano que não te vejo, que não te sinto, que não gargalho com você. Aquela gargalhada que só você tinha. Eu não sei se eu ria mais com você por causa das suas brincadeiras ou por causa das suas risadas deliciosas. Essa parte de mim, essa minha alegria que só você me proporcionava, que era só sua, foi com você. Dizem que quando uma pessoa muito querida das nossas vidas vai embora, uma parte da gente vai junto. Eu pensei que, com o tempo, eu fosse digerir melhor o luto e a saudade. Mas a saudade só aumenta. Passei muitos meses sem conseguir ver um vídeo ou uma foto sua. Eu sentia dor física. A ruptura foi tão forte, foi uma quebra tão radical, que parecia que não existia mais a lógica que eu tinha estabelecido na minha vida. E a gente tem que se fortalecer pra conseguir encontrar uma continuidade. A vida se impõe.

Continua depois da Publicidade

Quando a morte se coloca como presença, a gente reavalia a nossa vida. A gente se pergunta quais os valores que a gente tá usando pra escrever a nossa narrativa. E você sempre seguiu o caminho do amor. E você sempre teve pressa. Como diz Renato Russo ‘é preciso amar as pessoas como se não houvesse amanhã’. E nós fomos assim. Tivemos uma amizade linda e intensa até o fim. E foi tanto amor, respeito e admiração que eu me sinto nutrida de você para sempre. Obrigada, Paulo Gustavo. Obrigada por você ter existido na minha vida!”.

Ingrid Guimarães

“Há 20 anos, nesse dia estreou ‘Cócegas’ no teatro Cândido Mendes, no Rio, Gusti era tão fã, assistiu tantas vezes (até participou) que invocou que ‘Minha Mãe é Uma Peça’ tinha que estrear nesse dia, no mesmo teatro, pra dar sorte. E assim foi. Dia 4 de maio a gente sempre comemorava nossos ‘grandes sucessos’. E não é que você escolheu estrear no mundo de Deus nesse mesmo dia? Quando conheci Gusti, eu e @heloisaperisse fomos ver ‘Infraturas’, porque @bebellobo dizia que ele era nosso fã. Eu e Lolo nos apaixonamos de cara e no dia seguinte eu estava numa rádio fazendo propaganda da peça. E a partir daí ficamos amigos. Até hoje @heloisaperisse ainda me liga e a gente SEMPRE fala: ‘Não dá pra acreditar, né?!’. Ainda não dá mesmo. Até porque você faz uma falta danada no dia-a-dia. Gustinho, Gustirongo, Gusti é o apelido que Lolo te deu há 15 anos. E assim será sempre… Nosso Gusti!”

Regina Casé

“Um ano de saudade de Paulo Gustavo… Dia de chorar a sua falta, mas, principalmente, de celebrar sua existência! Que honra a nossa termos convivido com esse cara maravilhoso, assistido de pertinho o espetáculo que foi sua vida. Que sorte termos visto a olho nu a passagem desse cometa tão luminoso! Hoje e sempre @dealucia66, @juamaral00, @thalesbretas, todos os amigos, família e fãs, a vocês todo o meu carinho. Hoje é dia da gente rir e chorar muito. De tristeza e de alegria. Juntos nesse amor. Esse samba podia ser pra você! Meu Amigo adorado, Paulo Gustavo! ‘Sou eu quem levo a alegria para milhões de corações brasileiros’”.

Katiuscia Canoro

“Hoje o dia tá uma m*rda, tô me arrastando para fazer as coisas que eu preciso. Não tem um dia que eu não chore, um ano inteiro de lágrimas e saudades. A vida sem você é mais chata”.

Continua depois da Publicidade

Fabio Porchat

“Que loucura… Mais um dia em que eu preciso me convencer de que é verdade. Paulo Gustavo não está mais aqui. Eu sei que ele está, mas ele não está. Não era pra ser assim. Rir é resistir seguir em frente, Paulo Gustavo pra sempre. Beijo, Thales, Dea e Ju!”.

Maria Clara Gueiros

“Há um ano o mundo ficou mais triste”.

Cacau Protásio

“Você não hesitava em dizer ‘eu te amo’, não hesitava em ajudar, eu vivi pouco tempo com você, mas parecia que a gente já se conhecia mais de 109 anos… PG, nos meus olhos e do mundo você foi muito cedo, ainda tinha muita vida pela frente, mas Deus quis você aí mais cedo no céu pra ajudar a Ele administrar esse mundo aqui em baixo. Você hoje é nosso anjo da guarda, não duvido nada virar santo… rsrsrs Do jeito que você é, Deus vai te dá esse cargo, protetor dos comediantes! Santo PG! Saudades…”.

Continua depois da Publicidade

Monique Alfradique

“Mesmo o tempo passando, a saudade continua e o coração aperta… Mas sou muito grata de ter convivido e compartilhado tantos momentos felizes ao seu lado! Te amo pra sempre, PG”.

Sabrina Sato

“Como você faz falta, Paulo Gustavo. Um ano sem você, sem acreditar e sentindo muita saudade da sua alegria e genialidade. Seguimos aqui, com todo o amor do mundo, relembrando momentos como este que me faz acreditar que, independente do tempo, você estará sempre presente”.

Marcos Veras

“Um ano sem você, meu amigo! Você partiu desse plano rápido demais. Fico impressionado e emocionado como você é presente. Através dos seus filmes, programas de TV e peças de teatro. Sem falar no amor da sua família, amigos e fãs. A sensação que tenho é a de que você está aqui o tempo todo. E talvez esteja, vai saber, né?! Amo esse vídeo que você me mandou junto com outro amor que tenho que é a @katiusciacanoro. Amo porque você me mandou espontaneamente, me pegou de surpresa num set de filmagem. Queria ter salvo aqui o vídeo resposta que te mandei, mas não tenho mais. Ainda bem que tenho esse que não me canso de postar, porque ele é a sua cara. Sincero, engraçado e amoroso. Você faz falta! Um dia a gente se reencontra”.

Larissa Manoela

“Na minha e na vida de tantas outras pessoas você vai ficar pra sempre! Um ano sem Paulo Gustavo. Eterno em nossos corações!”.