Sophia Bush relembra chefe abusivo em “One Tree Hill” e ordens para tirar a roupa em cenas sensuais: “É você que tem os peitões que todos querem ver”

Sophia Bush não teve dias tranquilos em “One Tree Hill”. A intérprete de Brooke Davis na série esteve no podcast “Pretty Big Deal”, e recordou brigas feias com um dos chefes na produção. Enquanto ele queria investir em cenas mais sexuais, a atriz considerava aquilo bastante inapropriado.

“Trouxe muito [de mim] para a personagem… Briguei muito com os roteiristas… Eu estava meio inconsciente das dinâmicas de poder em jogo, e apenas dizia as coisas. Eu ficava tipo, ‘Não vou fazer isso'”, contou. “Tinha essas coisas meio que estranhas… Olhando para trás, vejo que na época eu não percebia o quanto era inapropriado, mas novamente, isso foi há muito tempo”, disse ela sobre as cenas impostas.

Sophia Bush deu vida a Brooke Davis entre os anos de 2003 e 2012, e tinha muito de si na personagem. (Foto: Reprodução/The CW)

Na época, Sophia interpretava uma garota no ensino médio, por isso não se conformava com a sexualização da personagem. “Lembro do meu chefe escrevendo cenas para que eu ficasse só com roupas íntimas”, lembrou. “Eu estava tipo, ‘Eu não vou fazer isso, isso é inapropriado. Não acho que é isso que deveríamos ensinar as meninas de 16 anos a fazer, e nem que devemos buscar uma validação desse jeito'”, completou.

O chefe, contudo, foi resistente: “Bom, você não tem 16”. Bush, que estava no início dos 20, retrucou: “‘Mas eu estou interpretando uma garota de 16, e se você quer tanto que alguém faça isso pra você, encontre alguém pra fazer isso'”. E os desaforos não pararam aí… “Ele literalmente disse pra mim, ‘Bom, é você que tem os peitões da p*rra que todos querem ver’. E eu fiquei tipo, ‘O quê?! Bom, não faço isso mesmo!'”, adicionou.

Após o episódio, Sophia mudou sua postura drasticamente, usando uma roupa com gola rolê “apenas para ser meio rancorosa”. “Eu disse tipo, ‘É assim que eu vou me vestir na série daqui pra frente se você não parar de escrever essas cenas’… Eu fui muito afrontosa e eu nem sabia disso. Só não queria perpetuar esse comportamento que eu achava que eu não era apropriado”, recordou a atriz. Que barra, hein?!

Sophia Bush não teve medo de acusar seu chefe pelos comportamentos inapropriados. (Foto: Getty)

Na sua entrevista ao podcast de Ashley Graham, a estrela de “One Tree Hill” não revelou quem seria o tal chefe. Contudo, em outras ocasiões ela já culpou o showrunner da série, Mark Schwahn, como o responsável por um clima “nocivo” no ambiente de trabalho. Inclusive, em 2017, 18 membros do elenco e da equipe da produção escreveram uma carta acusando o Schwahn de assédio sexual. Ligando os pontos, não é difícil chegar às conclusões, né?!

Que o exemplo dela sirva de coragem para outras atrizes… Ouça o episódio do podcast aqui: