Vídeo: A fumaça contra-ataca! Gusttavo Lima reclama de efeito especial e recebe surpresa desagradável durante show; vem ver!

E a saga da máquina de fumaça continua… Atualmente, o cantor Gusttavo Lima tem um dos shows mais caros e bem produzidos do país, com direito a projeções, pirotecnias e outros efeitos. Porém, nem sempre as coisas funcionam da maneira correta no palco, e acabam deixando o artista em uma grande saia justa.

E foi exatamente isso que aconteceu em um dos seus shows no último final de semana, em Manaus. Um fã gravou o momento exato em que Gusttavo cantava o hino “Mundo de Ilusões”, e o canhão de fumaça o pegou de surpresa com um jato de CO². Na mesma hora, o ‘Embaixador’ pediu no microfone: “Para com essa fumaça aí, fih”. Mas parece que alguém na produção gosta mesmo de zoar com a cara do cantor, e logo em seguida soltou mais uma rodada de fumaça.

Claramente aborrecido com a situação, o marido de Andressa Suita sai andando para longe do canhão e parece soltar um palavrão. Mais tarde no mesmo show, Gusttavo Lima está fazendo uma selfie com o celular de um fã e, do nada, a fumaça é acionada novamente. O cantor sai sério e solta mais alguns palavrões.

Não é de hoje que o brasileiro tem tido problemas com o efeito especial do show. Alguns dias atrás, o cantor viralizou na web com uma gravação similar. Durante seu show no Caldas Country, no dia 15, um curto-circuito foi responsável por transformar o palco em uma imensa nuvem de fumaça, fazendo o próprio Gusttavo ‘sumir’.

Após quase um minuto com o efeito especial fora de controle, o artista tentou resolver a questão. “Chega de fumaça, fi”, disse Gusttavo, com todo o bom humor, de algum lugar não visível do palco. Mas acabou não dando tão certo. Foi só aos poucos que a situação foi controlada. Dá uma olhada no imprevisto:

Se ninguém falasse nada, já diríamos que era conceito, né?! Kkkk Depois de receber inúmeras mensagens perguntando sobre o ocorrido, o “Inventor dos Amores” esclareceu a situação inesperada. “Só queria esclarecer que foi um problema técnico que teve lá, é normal isso acontecer. Os cilindros de CO2 que fazem aquela fumaça deram curto lá, o pessoal não conseguiu fechar e reverter a tempo, e ficou um tempão naquela nuvem”, contou Lima em seus Stories. Assista aqui: