Viola Davis, Shonda Rhimes e mais celebs mandam apoio a Jussie Smollett, de “Empire”, após ataque brutal

A notícia de que o ator Jussie Smollett, de “Empire”, foi brutalmente atacado na madrugada desta terça-feira (29) deixou muita gente chocada e pedindo por justiça. Durante a tarde, várias estrelas de Hollywood usaram as redes sociais para se posicionar e mandar apoio ao ator, entre eles seus colegas de produção e o canal Fox.

Segundo o TMZ, dois homens espancaram o intérprete de Jamal em Chicago, chegando a fraturar uma das costelas do ator, amarrar uma corda em seu pescoço e o encharcar com água sanitária. “Esse é o país do MAGA”, teriam gritado eles, em referência ao slogan de Donald Trump, “Make a America Great Again”. Há suspeita de que o crime tenha motivação racista e homofóbica.

O diretor Lee Daniels — que, como Jussie, é assumidamente gay — publicou um vídeo emocionado em que pede mais tolerância. “Jussie, você é meu filho. Você nem ninguém merece ter uma corda amarrada no pescoço, ser encharcado de água sanitária, ouvir ‘morra, v*ado negro’ ou o que quer que tenham lhe dito”, disse. Daniels também é co-criador e roteirista de “Empire”.

“Você é melhor que isso. Nós somos melhor que isso. Os Estados Unidos são melhores que isso. Começa em casa. Temos que nos amar sem nos importarmos com a orientação sexual de ninguém, porque mostra que somos uma frente unida e nenhum racista desgraçado pode chegar e fazer o que fez a você”, continuou o diretor. “Levante a cabeça, Jussie. Estou com você e estarei aí em um minuto. É só mais um dia de m*rda nos EUA.”

https://www.instagram.com/p/BtOrBBmH6GK/

Co-criador da série, Danny Strong disse estar “profundamente horrorizado e triste” com o ataque. “Ele é uma alma gentil e talentosa que eu respeito com todo meu coração. O terror que são racismo e homofobia não têm lugar na nossa sociedade, esse é o jeito mais indecente de se viver. Quem quer que tenha feito isso, não se esqueçam de que vocês não passam de covardes cheios de ódio, enquanto o talento e a militância de Jussie vão continuar a brilhar por décadas”, escreveu.

Em nota, o canal Fox, que exibe “Empire”, também se pronunciou. “Estamos profundamente tristes e revoltados de descobrir que um membro da nossa família Empire foi brutalmente atacado ontem a noite. Mandamos amor a Jussie, que é resistente e forte, e vamos trabalhar com a lei para levar justiça a esses criminosos. O estúdio, o canal e a produção estão unidos contra qualquer ato deplorável e violência e ódio — especialmente contra um dos nossos”.

Intérprete de Tiana em “Empire”, a atriz Serayah se mostrou bastante chocada e revoltada com a notícia. “Sua luz vai continuar a brilhar forte, que é o que essas pessoas nojentas não conseguem entender. Espero que você tenha uma recuperação rápida e continue a educar, motivar e inspirar milhões de pessoas. Te amo, mano”, escreveu.

https://www.instagram.com/p/BtOvbWxH31r/

Atores e produtores ligados às bandeiras levantadas por Jussie logo tomaram as redes para demonstrar apoio ao ator. “Meu Deus! Orações e justiça a Jussie”, escreveu a atriz Kerry Washington. “Todos nós temos a responsabilidade de lutar contra a ignorância e o ódio. Se você saber quem fez isso ao Jussie, entregue os à polícia”, declarou Shonda Rhimes, criadora de “Scandal” e “Grey’s Anatomy”

“OMG! É por isso que a comunidade LGBTQ continua a lutar para ser vista e protegida contra o ódio! Todos nós temos que tomar esse ato de violência racista e homofóbico como pessoal. Meus braços estão ao seu redor, Jussie. Você é amado!”, escreveu a musa Viola Davis.

“Mandando amor e orações a você, Jussie. Isso é inaceitável e a justiça será levada a eles”, disse Matt Bomer, outro ator abertamente gay. “Não acredito que ainda vivemos em um país onde o ódio é tão severo”, escreveu Sean Hayes, o Jack de “Will & Grace”.

Já Tina Lawson, mãe da musa Beyoncé, responsabilizou o governo Trump pelo ataque a Jussie. “Se eu ouvir mais uma pessoa dizer que essa administração não encoraja atitudes racistas, sexistas e homofóbicas nesse país, vou gritar! As pessoas estão andando por aí usando o boné do MAGA de forma ignorante e dizem que isso não tem a ver com mais nada. Esse é o tipo de m*rda que acontece. Acordem, pessoal, parem de se esconder atrás dessa m*rda. Vamos ser honestos e dizer logo o que isso é. Chega do MAGA! Essa palavra é sinônimo de quê?!”, indagou.

https://www.instagram.com/p/BtOv6LVgg3O/

“Apoiando e mandando amor ao Jussie hoje… esse é um crime racista e é nojento e vergonhoso ao nosso país”, lamentou a musa Katy Perry. “Isso é de quebrar o coração e assustador… por favor, prestem atenção ao que está acontecendo aqui. Mandando todo o meu amor ao Jussie”, publicou Zendaya.

Segundo o TMZ, Jussie foi levado para o hospital Northwestern Memorial, em Chicago, onde recebeu os devidos cuidados e já recebeu alta.

*Leia também:

– Jussie Smollett, de ‘Empire’, é espancado e vai parar no hospital; TMZ aponta para motivação homofóbica