Grammy 2020: Billie Eilish é a grande vencedora, Lizzo também se destaca e Demi Lovato emociona com retorno; confira todos os vencedores e performances da noite!

Este domingo (26) foi dia de homenagear os maiores destaques da indústria musical no ano passado! O Grammy Awards 2020 reuniu os principais artistas da música em Los Angeles para uma cerimônia cheia de emoções, na qual Billie Eilish foi a grande vencedora!

A premiação, que aconteceu no Staples Center — casa do Los Angeles Lakers, onde Kobe Bryant jogou desde a sua construção — já começou com uma homenagem ao atleta, que faleceu poucas horas antes em um acidente de helicóptero. Primeira performer da noite, Lizzo disse “esta noite é para o Kobe” antes de cantar “Cuz I Love You” e “Truth Hurts”.

Em seguida, a anfitriã Alicia Keys subiu ao palco e fez uma homenagem linda a Bryant e sua filha de 13 anos, que também morreu no acidente. “Estamos juntos na maior noite da música, mas sendo honesta, estamos sentindo uma tristeza profunda. Mais cedo, Los Angeles, a América e o mundo inteiro perderam um herói. Estamos aqui, de coração partido, na casa que Kobe Bryant construiu. Kobe, sua filha Gianna e todos que se foram hoje estão todos em nosso espírito, nosso coração e nossas preces nesse prédio. Peço a todos aqui que parem um momento e coloquem eles nos seus pensamentos”, pediu a cantora.

“Nunca, em um milhão de anos, imaginamos que teríamos que começar a premiação assim”, completou. Ela, então, se juntou ao grupo Boyz II Men para uma versão a cappella de “It’s So Hard to Say Goodbye to Yesterday”. Confira:

Maiores vencedores

Furacão do Grammy! Billie Eilish foi a maior vencedora da noite e levou cinco prêmios — dos seis para os quais estava indicada —, incluindo todos os principais, “Gravação do Ano”, “Álbum do Ano”, “Música do Ano” e “Artista Revelação”, pelo single “bad guy” e o disco “When We All Fall Asleep, Where Do We Go?”.

Com a conquista, a cantora de 18 anos tornou-se a primeira mulher da história a levar as principais categorias do Grammy em uma noite. E, vale lembrar, com um álbum feito por ela e seu irmão. Arrasou!

Rainha do Grammy! (Foto: Getty)

Lizzo, que era a mais indicada à cerimônia, foi a segunda maior vencedora, com três prêmios: “Melhor Performance Pop Solo” por “Truth Hurts”, “Melhor Álbum Urbano Contemporâneo” por “Cuz I Love You” e “Melhor Performance Tradicional de R&B” por “Jerome”.

Lil Nas X, que havia empatado com Billie no número de nomeações, levou dois gramofones pra casa por “Old Town Road” como “Melhor Clipe” e “Melhor Performance Pop Dupla/Grupo”.

As apresentações

Após a performance inicial de Lizzo, a cerimônia seguiu com apresentações de Blake Shelton e Gwen Stefani, que cantaram a parceria “Nobody But You”; Jonas Brothers, que lançaram “Five More Minutes” e fizeram a primeira performance de “What a Man Gotta Do”; e Tyler, The Creator, que se juntou a Boyz II Men e Charlie Wilson para um medley de “EARFQUAKE” e “New Magic Wand”.

Foi então que a primeira homenagem da noite aconteceu! Usher, FKA Twigs e a bateirista Sheila E. apresentaram “Little Red Corvette” e “Kiss” em tributo a Prince.

Camila Cabello não apresentou a esperada “My Oh My”, mas fez uma homenagem linda ao pai, que caiu no choro, ao cantar “First Man” de seu novo álbum. Logo depois, Tanya Tucker cantou “Bring My Flowers Now” com Brandi Carlile no piano.

Após um último ano conturbado com o Grammy, Ariana Grande voltou oficialmente ao palco da premiação e fez jus à espera! Indicada em cinco categorias, a diva fez um medley de “Imagine”, “7 Rings” e “Thank U, Next”.

Completando as performances das estrelas super indicadas da noite, Billie Eilish apresentou “When The Party Is Over”, junto a seu irmão Finneas, que ficou responsável pelo piano e pelos backing vocals.

Aerosmith incendiou o palco da premiação ao performar o hit “Livin’ On The Edge”. Logo, o grupo se juntou à dupla Run-D.M.C. para “Walk This Way”.

Então, Lil Nas X provou que uma mistura inusitada pode dar certo! Ele se juntou a Billy Ray Cyrus, BTS, Diplo e Mason Ramsey para um remix de “Old Town Road”. A performance emendou com “Rodeo”, música que o rapper cantou ao lado de Nas!

E vamos para o comeback do ano! Demi Lovato arrepiou a plateia do Grammy ao estrear “Anyone”, canção que escreveu quatro dias antes da overdose, após mais de um ano longe dos palcos. A própria cantora se emocionou e precisou recomeçar a apresentação, mas soltou o vozeirão e não deixou a desejar. Performance poderosíssima!

Os momentos emocionantes não pararam por ali! Nipsey Hussle, que foi morto em abril do ano passado, ganhou uma homenagem linda. Meek Mill e Roddy Ricch cantaram “Letter To Nipsey”, e John Legend, DJ Khaled, YG e Kirk Franklin apresentaram “Higher”.

O clima espanhol também chegou ao palco do Grammy! Rosalía soltou os poderosos vocais em “Juro Que” e depois colocou todo mundo pra dançar com “Malamente”. Representando a força feminina, H.E.R. foi a próxima a se apresentar. No piano, a cantora interpretou seu novo single, “Sometimes”.

Com uma homenagem ao amigo de longa data John Prine, Bonnie Raitt cantou um trecho de “Angel from Montgomery”, antes de apresentar a performance de “This Land”, de Gary Clark Jr. e The Roots. Em seguida, a banda de Jazz Preservation Hall se uniu ao instrumentalista Trombone Shorty para dar o tom ao segmento “In Memoriam”.

Para fechar as performances com a energia lá em cima, Camila Cabello, Gary Clark Jr., Debby Allen, Ben Platt, Joshua Bell, Misty Copeland, Lang Lang, Cincy Lauper e The Wr & Treaty cantaram, dançaram e tocaram “I Sing the Body Eletric”, do musical “Fame”, em tributo ao produtor Ken Ehrlich.

 Lista completa de vencedores

Gravação do Ano

“Hey, Ma” – Bon Iver
“bad guy” – Billie Eilish VENCEU
“7 rings” – Ariana Grande
“Hard Place” – H.E.R.
“Talk” – Khalid
“Old Town Road” – Lil Nas X Ft. Billy Ray Cyrus
“Truth Hurts” – Lizzo
“Sunflower” – Post Malone & Swae Lee

Canção do Ano

“Always Remember Us This Way” – Lady Gaga
“bad guy” – Billie Eilish VENCEU
“Bring My Flowers Now” – Tanya Tucker
“Hard Place” – H.E.R
“Norman Fucking Rockwell” – Lana Del Rey
“Someone You Loved” – Lewis Capaldi
“Truth Hurts” – Lizzo
“Lover” – Taylor Swift

Álbum do Ano

“I,I” – Bon Iver
Norman Fucking Rockwell” – Lana Del Rey
“When We All Fall Asleep, Where Do We Go?” – Billie Eilish VENCEU
“Thank You, Next” – Ariana Grande
“I Used To Know Her” – H.E.R
“7” – Lil Nas X
“Cuz I Love You” – Lizzo
“Father Of The Bride” – Vampire Weekend

Artista Revelação

Black Pumas
Billie Eilish VENCEU
Lil Nas X
Lizzo
Maggie Rogers,
Rosalía
Tank And The Bangas
Yola

Melhor Performance Pop Solo

“Spirit” – Beyoncé
“bad guy” – Billie Eilish
“7 Rings” – Ariana Grande
“Truth Hurts” – Lizzo VENCEU
“You Need To Calm Down” – Taylor Swift

Melhor Performance de R&B

“Love Again” – Daniel Caesar ft. Brandy
“Could’ve Been” – H.E.R ft. Bryson Tiller
“Exactly How I Feel” – Lizzo ft. Gucci Mane
“Roll Some Mo” – Lucky Daye
“Come Home” – Anderson Paak ft. André 3000 VENCEU

Melhor Canção de Country

“Bring My Flowers Now” – Tanya Tucker VENCEU
“Girl Goin’ No Where” – Ashley McBride
“It All Comes Out In The Wash” – Miranda Lambert
“Some Of It” – Eric Urch
“Speechless” – Dan + Shay

Melhor Álbum de Rap

“Revenge of The Dreamers III” – Dreamville
“Championship” – Meek Mill
“I Am > I Was” – 21Savage
“Igor” – Tyler, The Creator VENCEU
“The Lost Boy” – YbnCordae

Melhor Álbum Pop Vocal

“The Lion King: The Gift” – Beyoncé
“When We All Fall Asleep, Where Do We Go?” – Billie Eilish VENCEU
“Thank U, Next” – Ariana Grande
“No. 6 Collaborations Project” – Ed Sheeran
“Lover” Taylor Swift

Melhor Performance Pop Dupla/Grupo

“Boyfriend” – Ariana Grande & Social House
“Sucker” – Jonas Brothers
“Old Town Road” – Lis Nas X Featuring Billy Ray Cyrus VENCEU
“Sunflower” – Post Malone & Swae Lee
“Señorita” – Shawn Mendes & Camila Cabello

Melhor Música de Rap

“Bad Idea” – YBN Cordae Featuring Chance The Rapper
“Gold Roses” – Rick Ross Featuring Drake
“A Lot” – 21 Savage Featuring J. Cole
“Racks In the Middle” – Nipsey Hussle Featuring Roddy Ricch & Hit-Boy VENCEU
“Suge” – DaBaby

Melhor Colaboração de Rap 

“Higher” – DJ Khaled Featuring Nipsey Hussle & John Legend VENCEU
“Drip Too Hard” – Lil Baby & Gunna
“Panini” – Lil Nas X
“Ballin” – Mustard Featuring Roddy Ricch
“The London” – Young Thug Featuring J. Cole & Travis Scott

Melhor Álbum Urbano Contemporâneo

“Apollo XXI” – Steve Lacy
“Cuz I Love You” – Lizzo VENCEU
“Overload” – Georgia Anne Muldrow
“Saturn” – NAO
“Being Human In Public” – Jessie Reyez

Melhor Performance R&B Tradicional

“Time Today” – BJ The Chicago Kid
“Steady Love” – India.Arie
“Jerome” – Lizzo VENCEU
“Real Games” – Lucky Daye
“Built For Love” – PJ Morton Featuring Jazmine Sullivan

Melhor Música R&B

“Could’ve Been” – H.E.R. Featuring Bryson Tiller
“Look At Me Now” – Emily King
“No Guidance” – Chris Brown Featuring Drake
“Roll Some Mo” – Lucky Daye
“Say So” – PJ Morton Featuring JoJo VENCEU

Melhor Álbum R&B 

“1123” – BJ The Chicago Kid
“Painted” – Lucky Daye
“Ella Mai” – Ella Mai
“Paul” – PJ Morton
“Ventura” – Anderson .Paak VENCEU

Melhor Compilação de Trilha Sonora para Mídia Visual

“The Lion King: The Songs” (Various Artists)
“Quentin Tarantino’s Once Upon a Time In Hollywood” (Various Artists)
“Rocketman” (Various Artists)
“Spider-Man: Into the Spider-Verse” (Various Artists)
“A Star Is Born” (Various Artists) VENCEU

Melhor Música Escrita para Mídia Visual

“The Ballad Of The Lonesome Cowboy” – Chris Stapleton, Toy Story 4
“Girl In The Movies” – Dolly Parton, Dumplin’
“I’ll Never Love Again” – Lady Gaga & Bradley Cooper, Nasce Uma Estrela VENCEU
“Spirit” – Beyoncé, O Rei Leão
“Suspirium” Thom Yorke, Suspiria

Melhor Videoclipe

“We’ve Got To Try” – The Chemical Brothers
“This Land” – Gary Clark Jr.
“Cellophane” – FKA Twigs
“Old Town Road (Official Movie)” – Lil Nas X & Billy Ray Cyrus VENCEU
“Glad He’s Gone” – Tove Lo

Melhor Filme Musical

“Homecoming” – Beyoncé VENCEU
“Remember My Name” – David Crosby
“Birth Of The Cool” – Miles Davis
“Shangri-La” – Various Artists
“Anima” – Thom Yorke

Clique aqui para ver a lista completa de vencedores das 84 categorias do prêmio.