BBB20: Prior revela arrependimento no reality, surpreende ao falar sobre sua torcida, e admite: ‘Estava muito confiante’; Assista

Nessa terça-feira (31), Felipe Prior foi eliminado do “BBB 20” com 56,73% dos votos em um paredão histórico contra Manu e Mari, que quebrou recordes mundiais ao bater 1,5 bilhão de votos. Logo após sair, o arquiteto participou do “Bate-Papo BBB” com Fernanda Keulla para analisar sua trajetória no jogo. Ele revelou seus arrependimentos, falou sobre suas escolhas lá dentro e afirmou que estava se sentindo muito confiante a princípio.

“Se eu volto desse Paredão, ia voltar com uma confiança absurda de continuar apontando os erros das pessoas, porque eles estavam apontando os meus”, explicou Felipe, falando sobre o motivo que o levou a indicar Manu para ir com ele.

“Talvez eu tenha escolhido a Manu porque eu achava que naquele determinado momento do jogo a pessoa não sentia prazer de nada, de prova, de festa. A festa rolando, as coisas acontecendo e ela dormindo. Isso me incomodava. No início eu tive um papo com ela e ela disse que estava com medo de estar tirando a oportunidade de outras pessoas e isso pra mim estava tirando a oportunidade de outra pessoa”, disparou o ex-brother.

Prior especulou que o fato de ser o “alvo da casa” poderia ter contribuído para a sua eliminação. No entanto, lá dentro, ele achava que isso estava a seu favor. “Eu me senti perseguido, mas quando eu vi, tipo, que Pyong saiu e era uma pessoa que eu estava batendo contra. Daniel saiu, outra pessoa que eu estava batendo contra. Isso me deu uma força lá dentro. Então, esse paredão eu estava muito confiante, muito”, afirmou ele.

O paulista admitiu que estava se sentindo culpado por algumas atitudes recentes, que também poderiam ter levado à sua eliminação. “Tô sentindo aquele peso na consciência. Foram algumas atitudes que eu tomei erradas por nível de estresse muito alto. Na verdade, não estava mais aguentando ninguém na casa. Parecia um convento aquilo, tudo era lindo e maravilhoso e isso estava me incomodando muito”, relatou.

Felipe ainda foi sincero ao explicar por que não indicou Marcela no contra-golpe desta semana. “Na minha cabeça eu tinha de opção ou a Manu ou a Rafa. A Marcela eu tinha a impressão de que estava forte por conta das coisas que aconteceram no início. O paraquedista (Daniel) caiu lá falando que ela tinha 2,5 milhões de seguidores. Lá dentro a gente não sabe de nada. Isso confundiu muito a cabeça. Tá todo mundo achando que a Marcela vai ganhar o programa”, explicou ele.

Ao analisar os rumos do jogo, Prior revelou um arrependimento. “Naquele contra-golpe que eu coloquei a Ivy, eu me arrependo de não ter colocado a Gizelly. De verdade. Porque talvez a Gizelly poderia ter saído, aí talvez ela não ganhasse o líder… tudo é um dominó”, explicou sobre ter sido indicado por ela.

Felipe ainda considerou ter colocado a Manu daquela vez, contando por que decidiu indicar a ex-Casa de Vidro. “Eu queria testar um paredão Daniel e Ivy com uma pessoa, pra saber se dois votos contra um tinha influência e eu acabei provando do próprio veneno”, refletiu.

Após o programa, o arquiteto fez uma live em seu Instagram e comentou outros assuntos da casa, revelando sua torcida não só para Babu, mas também para Flayslane. “Me contaram que ele estava chorando até agora há pouco. Briguei com ele, mas foi briga de irmão. Acontece, não quero que ele fique se culpando por nada. Talvez o erro tenha sido meu e não tenho mais o que falar sobre isso. Minha torcida de coração é pela Flay, mas pelo jogo é pelo Babu. Estou feliz”, declarou, pegando muita gente de surpresa.

Prior também comemorou a torcida que ganhou dos jogadores de futebol como Neymar e Gabigol. “Quero agradecer todos os jogadores, Neymar e Vinicius Jr, que fizeram os vídeos. Ainda não vi nada. Para mim ainda é tudo novo isso. Ainda setou aprendendo. Sempre aprendendo. Obrigado, Gabigol, por ter feito a campanha e a dancinha. Cara, estou muito feliz”, contou o ex-BBB, que já ultrapassou 4 milhões de seguidores no Instagram.