Bbb22 Eslovenia Gustavo

BBB22: Eslovênia e Gustavo discutem após brother cobrar “empatia”: “Não permito que alguém chegue assim”; assista

O brother insistiu que Laís deveria ter prioridade no atendimento com a psicóloga, mas Eslô não deixou barato

Nervos à flor da pele! A eliminação de Larissa do “BBB 22” deixou suas aliadas muito abaladas… O estresse acabou explodindo na tarde de hoje (2), num desentendimento entre Gustavo e Eslovênia. O brother bateu o pé que Laís deveria ter recebido prioridade para o atendimento psicológico, mas a pernambucana não deixou barato e perdeu a paciência.

Enquanto esperavam na fila para conversar com a psicóloga, Gustavo criticou os integrantes do quarto Lollipop por não deixarem Laís passar na frente – além de estar muito triste pela saída de Larissa, faltava pouco tempo para ela ir ao almoço do líder. Mas Eslô não tolerou a cobrança. “E como você sabe quem tá melhor ou pior aqui? Você não pode julgar os sentimentos de ninguém!”, disse ela. “Empatia é um negócio que não precisa ser pedido”, devolveu o curitibano. “Não é empatia, não”, irritou-se a miss.

Continua depois da Publicidade

Gustavo insistiu que Laís precisava passar na frente hoje, quando Eslovênia rebateu: “Como você pode definir quem tá mal e pior que o outro se tu não sente por ninguém?”. O brother, então, citou a insônia da goiana. “A pessoa que ficou sem dormir a noite inteira…”, respondeu ele. “Eu também não dormi”, retrucou a modelo. A médica até tentou pedir calma aos colegas, mas Eslô não aceitou a postura do bacharel em direito. “Calma não, pô! Eu não permito que alguém chegue assim”, acrescentou ela.

Gustavo seguiu argumentando que, se não fosse por um pedido dele, Laís nem conseguiria o atendimento hoje. “Se eu não tivesse falado pro Eli deixar ela [Laís] passar na fila, ela não teria ido. Ela teria ido pro Almoço do Líder sem ir e quando tivesse voltado, psicóloga tava fechada. Cadê a empatia?”, criticou o rapaz.

Bbb22 Gustavo1
Gustavo reclamou que amigos de Laís deveriam deixá-la passar na frente porque, caso contrário, ela poderia perder o atendimento psicológico. (Foto: Reprodução/TV Globo)

Eslovênia, por sua vez, voltou a falar que o brother não pode dizer quem tem mais urgência para ser atendido ou não. “Aí você fala com Eli. Mas você no começo falou do quarto, não generalize. Porque você não sabe como eu tava. Eu fui a primeira. Você sabe como eu tava? Porque nem ia ser eu. Eu ia ser depois do Eli. Cadê a empatia comigo também? Jade teve, falou: ‘Pode ir, Eslô, na minha frente’”, mencionou a sister. “Então, a Jade teve [empatia], pontuou Gustavo.

Continua depois da Publicidade

Lucas entrou na história para defender o posicionamento de seu affair na casa. “Julgar sentimento é muito complicado… Por exemplo, eu tô aqui normal, mas eu posso tá sofrendo por dentro”, opinou ele. Eslovênia, então, comentou que ela e Laís entendem como os últimos acontecimentos as atingiram. “Eu sei o quanto ela tá mal, e ela sabe o quanto eu tô mal”, ponderou a pernambucana.