Munik Faturamento Bbb

Munik Nunes revela faturamento após prêmio do “BBB”, e lembra detalhes de contrato com TV Globo: “Amarrava bastante”

A campeã do “BBB 16” contou como multiplicou seu prêmio milionário

Cofrinho cheio até hoje! Quase seis anos após vencer o “BBB 16”, Munik Nunes revelou que já dobrou a bolada de R$ 1,5 milhão. Em entrevista ao Splash, do UOL, a goiana contou como multiplicou o prêmio que recebeu do reality show, expôs qual seu atual faturamento mensal, e ainda deu detalhes de como o contrato com a TV Globo “amarrava” as opções de renda.

Algum tempo após receber a bolada, Munik destinou R$ 500 mil aos seus pais. O resto do valor ficou guardado integralmente em sua conta. “Lembro como se fosse hoje quando abri a minha conta e vi tantos zeros. Não tinha a menor ideia do que iria fazer, se iria investir ou gastar. Assim que o dinheiro entrou na conta, a minha gerente do banco bloqueou porque pensou que eu deveria investir, né? Deixei o dinheiro na conta alguns meses e depois dei R$ 500 mil do prêmio para os meus pais. Fiquei com R$ 1 milhão e esse dinheiro ainda rende”, pontuou ela.

Munik Nunes3
Munik Nunes revelou ter um faturamento mensal de R$ 100 mil, além de ter dobrado o prêmio do “BBB”. (Foto: Reprodução/Instagram)

Com sua visibilidade, Munik apostou tudo na carreira como influenciadora digital. Ela assumiu que fatura mais hoje do que com os primeiros trabalhos após o “BBB”, quando tinha apenas 1 milhão de seguidores. Atualmente, já são mais de 9 milhões de fãs. “Hoje ganho até mais do que quando saí do reality. Há cinco anos, era mais devagar a publicidade no Instagram e poucas lojas on-line. O preço também era outro. Eu cobrava mais barato, não sabia como vender um produto”, comentou ela, que também esteve no “Power Couple Brasil”.

Continua depois da Publicidade

Segundo Munik, o faturamento atual é de R$ 100 mil mensalmente – o que, em um ano, chega próximo ao prêmio milionário do reality global. “Hoje eu tiro por volta de R$ 100 mil por mês. Dinheiro pode não trazer felicidade, mas contribui bastante”, opinou. De lá pra cá, um dos bens que a goiana adquiriu foi sua casa própria em Fortaleza (CE), após o casamento com Anderson Felício – que chegou ao fim em 2019. O carrão dos sonhos, um Lamborghini, ainda segue como um dos desejos dela.

Depois da vitória no “BBB 16”, Munik teve de cumprir um contrato de um ano de exclusividade com a TV Globo, e foi bem sincera sobre o assunto. “Olha, no meu caso foi ruim. Quer dizer, não foi bom nem ruim”, observou ela, expondo como o acordo a impedia de explorar certos trabalhos. “Poderiam ter me usado mais nesse um ano. Eu poderia ter ido a programas da emissora e não fui. Não podia dar entrevistas a outros canais e em relação à publicidade, não podia pegar todas as marcas. No contrato tem algumas restrições. Se o patrocinador do ‘BBB’ era a Pantene, eu não podia fazer propaganda da Seda, por exemplo, nesse um ano. Amarrava bastante”, admitiu.

Continua depois da Publicidade

De qualquer forma, ela reconhece como sua vida mudou antes e depois da casa mais vigiada do Brasil. Munik recordou como fazia “bicos” antes do programa, distribuindo panfletos, época em que chegava a trabalhar por 12 horas diariamente: “Quando tinha um evento grande, de divulgação do UFC, por exemplo, eu ganhava no máximo R$ 100. Eventos menores eu ganhava R$ 60. Quando eu fazia o evento em si, era em torno de R$ 120”.

Além de Munik, foram muitos os outros milionários do “Big Brother Brasil”… Confira uma lista com alguns dos últimos vencedores e tudo o que eles fizeram com seus prêmios, clicando aqui.