Depois de virar ‘chacota’ em jornal do SBT, homem é encontrado morto em casa; Esposa exige retratação: “Acabou com a vida dele!”

O telejornal do SBT “Primeiro Impacto” virou notícia nesta quinta-feira (14). Na transmissão do programa da terça (12), o apresentador Marcão do Povo mostrou a história de um rapaz que tentava suicidar por conta de uma suposta traição da esposa. Na exibição do ocorrido, o caso sério foi tratado com tom de deboche e virou alvo de piada pelos jornalistas… Poucas horas depois do fim do noticiário, o homem concluiu seu objetivo e foi encontrado morto dentro de casa.

O caso aconteceu em Londrina, e nas imagens é possível ver o homem pendurado nos fios de alta tensão na noite anterior da sua morte. Ele acabou sendo resgatado pelo corpo de bombeiros e liberado para voltar pra casa. Pela manhã, sua tentativa de suicídio foi exibida primeiro às 6h, no jornal local do SBT, do Paraná, e por volta das 9h foi ao ar no “Primeiro Impacto”. Por lá, Marcão do Povo não poupou escárnio com a situação.

“Você ganhou um par de chifres, não foi asas para voar. Você não é o único corno do Brasil, fique tranquilo. Chifre é que nem consórcio: a qualquer momento você é contemplado”, disse. Correspondente da emissora na cidade, Felipe Macedo também entrou no clima. “O corno errou o fio… Foi no fio de telefone. Não deu choque nenhum. Ele escorregou, se estalelou. Não quebrou nada, nem o chifre. E teve que voltar pra casa. Dizem as más línguas que perdoou a esposa”, disse aos risos.

Rapaz tentou se suicidar, após descobrir suposta traição da esposa. Foto: Reprodução/SBT

De acordo com o site 24h, no final da manhã da terça-feira, o homem foi encontrado morto em sua casa. Um boletim de ocorrência registra que a morte se deu por suicídio, mas não determina o horário em que ocorreu. Agora, a viúva Simone do Nascimento Soares exige que o jornal do SBT peças desculpas publicamente por terem ridicularizado seu marido.

“Eu só quero que quem prejudicou meu marido que se retrate ou fale em rede nacional. Ninguém sabia o que meu marido estava passando. Ele não conseguia trabalhar, o INSS cortou o benefício. Acabou com a vida dele, acabou com tudo. Se eu não tivesse um menininho, teria cometido uma loucura”, revelou em entrevista para o UOL. Simone completou dizendo que não houve traição, e que seu marido acabou acreditando em mentiras. Ainda de acordo com ela, o ato teria sido resultado da combinação de bebidas alcoólicas com os remédios fortes que o marido usava para tratar a depressão.

Procurado pelo blog do jornalista Mauricio Stycer, o SBT afirmou que não irá se pronunciar sobre o que aconteceu. Em nome de Marcão do Povo, o advogado Rannieri Cavalcanti Lopes alegou que “não houve qualquer incitação ao suicídio na matéria. Foi uma brincadeira normal que o Marcos faz sempre no programa”.