“A Dona do Pedaço”: Walcyr Carrasco “conserta” erro na escalação de atores e muda história da novela; entenda!

Quem nunca errou que atire a primeira pedra!! Kkkkk Que a novela “A Dona do Pedaço” é um sucesso em todo o país já é um fato incontestável. E, justamente por isso, os noveleiros de plantão estão de olho em cada detalhe da trama e acabaram achando uma incoerência bem pertinente na história… Antenado em tudo que está sendo dito, o autor Walcyr Carrasco ouviu os telespectadores e deu uma solução bem inteligente pro deslize.

De acordo com o “Notícias da TV”, o escritor entendeu que cometeu um equívoco na escalação do núcleo cômico da novela. A princípio, Walcyr tinha planejado que Eusébio seria filho de Cornélia, porém, as idades dos intérpretes, os atores Marco Nanini e Betty Faria, começaram a ser um impedimento para a história ser coerente. Os dois têm apenas setes anos de diferença um para o outro, o que gerou um grande estranhamento no público.

O site argumentou que, de fato, houve a mudança no enredo, pois na sinopse inicial recebida pela equipe antes da novela, Cornélia era apenas mãe do personagem de Nanini e ponto final. Inclusive, a atriz Laura Cardoso seria a responsável por dar vida à matriarca da família, mas a veterana acabou com outros planos e entrará na trama nos próximos meses com outro papel.

Para resolver o erro, Walcyr Carrasco deu uma tacada de mestre e provocará uma ótima reviravolta dentro do núcleo. A investigação de paternidade, que já foi iniciada na novelas das 21h, fará Eusébio ganhar uma herança e será usada como gancho para mudar o parentesco entre ele e Cornélia. O malandro irá esconder a grana e todos os parentes entrarão em uma disputa para achar o dinheiro e acabarão, como sempre, rendendo brigas hilárias.

Foto: Reprodução/TV Globo

Porém, em uma delas, o clima vai ficar tenso e Cornélio revelará que na verdade não é mãe do pai de Rock. “Ingrato. Tô farta. Tô farta até de ser sua mãe“, dirá a ex-prostituta. “Não pode mais desistir. Já nasci faz tempo“, retrucará Eusébio. “Nunca fui sua mãe de verdade. Ele sempre me chamou de mãe, porque ela, a mãe, fugiu pelo mundo. E aí, eu criei essa peste. Eu era quase uma menina“, contará.

De olho na coerência da história, já que foi ao ar uma cena em que Cornélia reconheceu a foto do pai de Eusébio em um jornal antigo, a aposentada afirmará que o conheceu porque é filha da mesma mãe do malandro. “Sou sua irmã! Eu criei você desde quando nossa mãe foi embora. Nunca desconfiou que sou apenas um pouco mais velha que você?“, questionará.

Eita!! Já imaginaram o ba-fá-fá?! As cenas estão previstas para começarem a irem ao ar no dia 9 de julho.