Três meses após final de “The Big Bang Theory”, diretor cogita retorno da série: “Há muito o que explorar”

Vale a pena ver de novo?! Depois de 12 temporadas bem sucedidas, a série “The Big Bang Theory” chegou ao fim no mês de maio. Porém, parece que os fãs que ficaram órfãos do programa não vão precisar sentir saudade por muito tempo. Se depender do diretor da atração, Mark Cendrowski, é possível que a atração faça seu retorno nos próximos anos!

Inclusive, durante uma entrevista para a revista Forbes, Mark revelou que o seu plano é dar uma sequência para as histórias dos personagens do programa. “Acho que com esses personagens, você vai querer saber o que acontece com eles em alguns anos“, explicou. Porém, trazer “The Big Bang Theory” de volta para as telinhas vai depender de outros fatores e pessoas. “Se em cinco anos [o criador] Chuck Lorre decidir trazer de volta alguns personagens e tentar algo novamente, eu adoraria estar envolvido“, disse, amenizando as expectativas do público.

No bate-papo, Mark Cendrowski fez questão de ressaltar que só faria sentido trazer a série de volta se fosse para continuar contando as histórias de Sheldon e seus amigos. “Seria apenas uma continuação. Há muito o que explorar com suas vidas e personagens seguindo em frente. Dito isto, o programa seria a própria razão para estar de volta“, argumentou.

Diretor de “The Big Bang Theory” cogita em fazer uma continuação da série no futuro. Foto: Reprodução/CW

Além de “The Big Bang Theory”, o diretor também está no comando de “Young Sheldon”, série que acompanha a vida do protagonista excêntrico durante sua infância no Texas. Mark contou que, por enquanto, não está nos seus planos avançar no tempo para mostrar um Sheldon na juventude. “Não acho que alguém queira pular para uma próxima temporada e desmembrar alguém imediatamente. Isso não significa que isso não vá acontecer em alguns anos. Talvez seja um personagem ou alguns personagens [de “The Big Bang Theory”] que dê para serem recuperados dentro de alguns anos. Quem sabe se isso vai acontecer. Eu não apostaria nisso e não saberia, de qualquer forma“, avaliou.

Bom, se depender do ator Jim Parsons, ver “Young Sheldon” mais próximo da época em que “The Big Bang Theory” foi produzida é mais provável do que acontecer uma continuação da série. Foi depois de um pedido dele para sair do programa que os criadores da sitcom decidiram encerrar tudo de vez, já que não faria sentido continuar com a trama sem o principal nerd de todos.

Foi a primeira vez na minha vida fazendo essa série que me ocorreu que eu poderia não querer fazer outro contrato depois que o 12º tivesse terminado. Eu não sei se é porque sou (do signo de) Áries ou apenas porque talvez eu tenha refletido muito comigo mesmo. Seja o que for, uma vez que eu tive esse pensamento, eu fiquei tipo, ‘Essa é a sua resposta (não renovar)’“, revelou em uma entrevista para o The Hollywood Reporter.