Vixe! Autor de “Game Of Thrones” revela que saga deveria ter terminado com três filmes grandiosos, e explica por que isto não aconteceu; entenda!

O fã de “Game Of Thrones” não tem UM PINGO de sossego desde que a série chegou ao fim no ano passado… Com um final controverso, que desagradou muitas pessoas, vira e mexe é divulgada uma notícia de que as coisas poderiam ter sido um pouco melhores do que foram. Em entrevista ao site alemão Welt, o criador do universo medieval George R.R. Martin revelou que uma opção para o desfecho era dividi-lo em três filmes grandiosos. Eita!

O escritor explicou que, independente da sua opinião, a HBO detém todos os direitos de produção de “Game Of Thrones”, mas em algum momento cogitaram a gravação da película. “Tínhamos considerado essa opção. David Benioff e Dan Weiss, os dois criadores da série, realmente queriam terminar a saga após a sétima temporada com três grandes filmes. Deveria ter terminado no cinema. Quatro ou cinco anos atrás isso foi seriamente discutido”, revelou.

E o que impediu que isso se tornasse realidade, minha gente?! “A HBO não se envolveu. As pessoas responsáveis ​​disseram: ‘Produzimos séries de TV, não estamos no ramo do cinema’. E quando a HBO faz filmes, como agora com ‘Deadwood’, eles produzem apenas para mostrá-lo na TV — não no cinema”, entregou.

Um dos momentos que mais irritaram os fãs de “Game Of Thrones” foi o desfecho de Daenerys Targaryen nas mãos de Jon Snow. Foto: Reprodução/HBO

“Tudo está mudando agora. O que é cinema hoje? O que é televisão? O que é streaming? A Netflix agora está fazendo cinema ou televisão? Tudo se mistura. Hoje, não sabemos mais onde estão as fronteiras entre cinema, provedores de streaming e televisão”, completou George.

Bom, para quem não digeriu de jeito nenhum o final da oitava temporada do programa, a esperança é a última que morre. Martin ainda lançará dois livros para encerrar a trama que criou sobre os Sete Reinos, porém, a obra segue sem qualquer previsão para chegar nas prateleiras das livrarias.