Fotojet

Mãe deixa bolsa cair com arma engatilhada, e caso termina em tragédia no ES

Naiany Gonandy era designer de sobrancelhas, tinha três filhos e faleceu na tarde desta terça-feira (3)

Naiany Gonandy, de 32 anos, morreu na tarde desta terça-feira (3), após levar um tiro dentro de casa. Segundo os relatos da família, a mãe dela, Lucimar Gonçalves Mouro Gonandy, derrubou uma bolsa que continha uma arma engatilhada. Após a queda, houve um tiro acidental e a mulher foi atingida. O caso aconteceu em Vila Velha, no Espírito Santo.

O armamento era uma garrucha calibre 32, herdada por um parente que já havia morrido, de acordo com a Polícia Civil. Naiany chegou a ser levada para o Hospital Estadual Antônio Bezerra de Faria, mas morreu pouco tempo depois.

Após confirmação do falecimento, a Guarda Municipal encaminhou a mãe da vítima para prestar depoimento no Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP). Lucimar foi transferida ao sistema prisional, depois de ser autuada por homicídio culposo (quando não há intenção de matar) e posse ilegal de arma.

Captura De Tela 2022 05 06 Às 12.28.42
Naiany Gonandy faleceu aos 32 anos, após tiro acidental dentro da própria casa. (Foto: Reprodução/Instagram)

No entanto, a Justiça concedeu liberdade provisória à Lucimar, em audiência de custódia nesta quarta-feira (4). “A vítima foi socorrida, mas faleceu, sendo narrado que a genitora disparou acidentalmente a arma de fogo quando estava limpando o móvel onde o armamento ficava”, disse a juíza Raquel de Almeida Valinho, em trecho da decisão, divulgado pelo G1.

Continua depois da Publicidade

A arma foi apreendida e encaminhada para o setor de criminalística e balística da cidade. O caso segue em investigação pela Polícia Civil. O corpo de Naiany foi sepultado na manhã desta sexta-feira (6), segundo amigos e parentes.

A mulher tinha três filhos, era designer de sobrancelhas e foi descrita como “uma grande amiga” e “ótima profissional” por pessoas próximas, nas redes sociais.