Kate Middleton revela que se sentiu “isolada” após ter seu primeiro filho, George: “Nenhuma família ao redor”

Nesta quarta-feira (22), Kate Middleton visitou o Centro de Crianças Ely and Caerau, em Cadriff, Wales. Na visita, a duquesa de Cambridge revisitou o passado, especialmente os dias em Anglesey, onde ela e príncipe William viveram com o filho George enquanto o duque de Cambridge servia à Força Aérea Real.

“É bom estar de volta em Wales”, disse em certo ponto, de acordo com a revista People. “Eu estava conversando com algumas mães. Era o primeiro ano e eu tinha acabado de ter George — William ainda estava trabalhando com procura e resgate —, e nós viemos para cá e eu tive um pequeno, pequeno bebê no meio de Anglesey. Era tão isolado, tão excluído [de seu círculo social]. Eu não tinha nenhuma família ao redor, e [William] estava fazendo o turno da noite. Então… se eu apenas tivesse um centro como esse”, confessou.

Kate Middleton em visita ao centro voltado para crianças. (Foto: Getty)

Durante sua visita, Kate também aprendeu mais sobre o apoio que pais e mães recebem no centro. Além disso, ela falou sobre a pesquisa “Five Big Questions”, que dá oportunidade para pessoas ao redor do Reino Unido compartilharem seus pontos de vista sobre criar a próxima geração. De acordo com o palácio de Kensington, a pesquisa busca ampliar a conversa sobre o início da infância.

“Pais e mães, cuidadores e famílias então no centro do cuidado com as crianças nos anos de formação, então é por isso que eu quero escutá-los. Como mãe, eu sei o quanto nós valorizamos o futuro, a saúde e a felicidade dos nossos filhos”, disse a duquesa, ao se referir à pesquisa. “Eu quero escutar os principais assuntos que afetam nossas famílias e comunidades, para que eu possa focar meu trabalho onde ele é mais necessário. Minha ambição é providenciar uma mudança duradoura para as próximas gerações”, acrescentou.