Após assassinato de cachorro, Jenelle Evans, do “Teen Mom”, anuncia divórcio do marido, que assumiu o crime: “É o melhor para mim e para as crianças”; entenda!

Um desfecho importante para essa história! Depois do assassinato de seu cachorro em maio, e das seguidas polêmicas que surgiram desde então, Jenelle Evans, estrela do reality “Teen Mom 2”, tomou uma decisão final. Nesta quinta (31), ela anunciou que está oficialmente se divorciando do marido, David Eason, que atirou e matou o pet da família.

Através de seu Instagram, Evans compartilhou uma nota contando a notícia para seus seguidores. “Hoje, eu enviei os papéis para iniciar o processo. Eu aprecio o apoio de todos que me perguntaram como estou. Eu e as crianças estamos bem. Nós precisamos de tempo para ficarmos juntos, mas vocês ouvirão sobre nós de novo em breve”, informou ela.

Jenelle contou também que ela e os filhos deixaram o rapaz: “As crianças e eu deixamos de morar com David”. Para ela, apesar de ser uma situação difícil, essa pode ser a deixa para uma mudança positiva em sua vida. “Ninguém entra em um casamento esperando que termine, mas eu sei que isso é o melhor para mim, e para minhas crianças”, opinou ela.

Continua depois da Publicidade

O relacionamento acabou dando um fruto ao casal, a pequena Ensley, de dois anos. Além dela, Jenelle também é mãe de outras duas crianças, Kaiser e Jace, de quatro e nove anos, respectivamente. Mas nem a preocupação com os filhos a impediu de seguir sua vida. “Com o tempo longe de ‘Teen Mom’, eu comecei a olhar para minha vida de forma diferente e sei que preciso fazer mudanças. Estou começando isso agora”, disse ela. Confira seu anúncio:

View this post on Instagram

💓

A post shared by Jenelle Eason (@j_evans1219) on

Após a notícia, as colegas de elenco da jovem se manifestaram sobre essa questão, como foi o caso de Briana DeJesus. A amiga dos tempos de “Teen Mom” confessou estar contente com a decisão: “Estou orgulhosa dela”. Aliás, Briana até acredita que Jenelle pode retornar à atração da MTV, confirmando que está certa de que isso acontecerá depois do divórcio, em comunicado ao E! News.

Continua depois da Publicidade

Ao contrário dela, outra personalidade da TV não acredita que Evans terá a mesma sorte. Kailyn Lowry mencionou que o elenco do “Teen Mom” está no número completo de integrantes após a saída. Portanto, “seria difícil contar a história de todos com o tempo limitado que cada uma de nós recebe”. De qualquer forma, ela também só torce pelo bem da colega de reality: “Eu desejo o melhor a ela”.

Relembre o caso

Depois de divulgar que o cachorro de estimação da família de Jenelle havia sido morto cruelmente pelo marido David Eason, autoridades norte-americanas desmascararam o casal e alegaram que a denúncia, na verdade, era um esquema para conseguir publicidade. Porém, a jovem revelou, em julho, que ela nunca disse à polícia que o crime havia sido cometido pelo amado.

Em uma entrevista ao TMZ, Jenelle revelou que, depois que o bulldogue mordeu sua filha mais nova, Ensley de 2 anos de idade, David levou o animal para fora de casa e, desde então, ela não soube mais o que aconteceu. “Eu disse [ao chefe de polícia]: ‘Sabe, eu não sei o que acabou acontecendo com meu cachorro, porque eu não estava lá fora’. Eu fiquei lá dentro de casa com Ensley, Kaiser e Marissa, e é isso“, relembrou.

Continua depois da Publicidade

Após mostrar não saber se o cachorro estava vivo, a jovem disse não se recordar do que foi dito nos depoimentos recolhidos, mas que suspeitava do marido. “Depois que ele saiu com o cachorro, eu fui até lá, e ele estava na beira da floresta e disse: ‘Você não vai querer vir até aqui.’ E eu disse: ‘Por quê?’ E ele disse: ‘Seu cachorro não está mais aqui’. Então eu assumi que meu cachorro estava morto”, relatou.

Evans disse que o bichinho de nome Nugget, nunca mais apareceu na região onde o casal mora e ninguém teve notícias dele e, por isso, suas suspeitas sobre o assassinato cresceram. Pressionada pela equipe do site para dizer se ela realmente achava que David havia cometido o crime, Jenelle foi evasiva. “Eu não estou expondo meu marido, e se você quiser falar com ele sobre isso, vá em frente“, respondeu.

Ainda em julho, a polícia e o serviço de controle dos animais revelaram que a investigação contra David Eason seria arquivada por falta de evidências. Mas que, ao longo do processo, ele tinham concluído que a denúncia não passava de um esquema para atrair publicidade em cima do caso.

Continua depois da Publicidade

Os depoimentos de Jenelle eram inconsistentes com o relato original dos eventos ocorridos em 29 de abril. A autora da denúncia avisou que estava dentro de casa com seus filhos na hora do suposto evento. Depois avisou que nunca viu ou ouviu nada que indicasse que David atirou em seu cachorro. Evans avisou que não queria que as investigações continuassem por vontade própria e que ela não estava sendo coagida com esta decisão“, dizia a declaração.

Passado o depoimento das autoridades, Evans usou as redes sociais para revelar seu lado na história, dizendo que nunca fez “uma denúncia contra o David em primeiro lugar”. Ao contrário dela, o então marido aumentou as dúvidas de todos ao compartilhar uma publicação bem misteriosa.

Na época do sumiço do cãozinho, em suas redes sociais, David deu a entender que realmente era o responsável por matá-lo. Ele escreveu e, logo em seguida, deletou: “Eu não dou a mínima para qual animal morde meu bebê no rosto… seja seu cachorro ou o meu, um cachorro é um cachorro e eu não suporto nada disso. Eu apenas quero proteger minha família, é a minha missão de vida. (Por) Algumas pessoas vale a pena matar ou morrer e minha família significa muito para mim. Você pode me odiar o quanto quiser, mas esta não é a primeira vez que o cão morde Ensley agressivamente. A única pessoa que pode julgar se o animal é um perigo ou não para o meu filho sou EU!

Continua depois da Publicidade

O episódio polêmico acabou trazendo graves consequências para o casal. Para começar, Jenelle teve de se despedir do “Teen Mom”, após ter sido demitida da MTV. Não bastasse isso, uma perda maior ainda aconteceu, pouco tempo depois. O casal perdeu a guarda dos filhos por tempo indeterminado. Que barra, né?!

Em setembro, meses depois de terem gerado todo o bafafá, David confessou sua culpa. Numa entrevista reveladora à People, ele finalmente abriu o jogo e disse ter cometido essa barbárie. Para justificar a situação, ele explicou que fez de tudo para “proteger a filha”. Além disso, o ex da estrela do reality assumiu não ter se arrependido do que fez… Complicado.