Fotojet (10)

Ator mirim que protagonizou “O Pestinha” largou Hollywood após escândalo milionário; saiba como ele está hoje

A carreira hollywoodiana de Michael Oliver acabou após tentativa de extorsão dos estúdios Universal pela mãe e empresária

Michael Oliver, ex-ator mirim conhecido por protagonizar os filmes “O Pestinha” (1990) e “O Pestinha 2” (1992), abandonou a carreira em Hollywood e hoje trabalha como técnico em informática. Segundo o jornal britânico Daily Star, ele deixou a indústria do entretenimento pouco tempo depois de participar de um escândalo de extorsão causado por sua mãe e sua empresária, quando o jovem ator tinha apenas 11 anos. 

Na infância, quando fazia os testes para o filme que garantiu a sua fama, Michael chegou a desbancar o ator Macaulay Culkin, que protagonizou as produções da franquia de “Esqueceram de Mim” (1990). O longa “O Pestinha”, apesar das críticas, chegou a faturar US$ 72 milhões de dólares em bilheteria. 

0 Macaulay Culkin
Macaulay Culkin no filme de 1990, “Esqueceram de Mim”. Foto: Reprodução

Continua depois da Publicidade

A vida do menino mudou quando, em 1992, após o lançamento de “O Pestinha 2”, a mãe de Oliver e sua empresária, Dianne Ponce, foram processadas pelos estúdios Universal. O motivo? Tentativa de extorsão. Elas exigiram US$ 500 mil para que o jovem ator trabalhasse no terceiro filme da sequência. Inicialmente, o contrato previa um salário de US$ 80 mil para a participação de Michael no longa.

0 Image (1)
Michael Oliver como protagonista de “O Pestinha”

As responsáveis pelo astro mirim perderam a luta contra os estúdios Universal na justiça norte-americana, e precisaram pagar milhares de dólares em indenização. A curta carreira do primeiro “pestinha”, então, começou a chegar ao fim. O filme “O Pestinha 3” foi lançado em 1995 fora dos cinemas, com reprodução apenas na televisão, sem a participação de nenhum dos atores do elenco original.

Hoje, aos 40 anos de idade, Michael se mostra satisfeito em ter uma vida perfeitamente normal e longe dos holofotes. Em 2015, ao ser entrevistado por Gilbert Gottfried, seu antigo colega de elenco no filme, ele revelou: “Acho que foi um rompimento mútuo. Eu meio que já estava de saco cheio. Compreendi que queria uma vida normal. Eu trabalho um monte, das 9h às 17h, tenho uma existência normal. E estou feliz assim”.

0 Image
O ex-ator Michael Oliver hoje atua como técnico em informática. (Foto: Reprodução/YouTube)

“Se alguém me perguntasse se eu gostaria de voltar à vida antes do processo, eu diria não. Aprendi muito cedo como a privacidade é valiosa. Imagine ir ao cinema com os meus amigos, ser reconhecido e as pessoas não entenderem que só quero ver um filme. Pode ser legal ser reconhecido, mas chega uma hora que cansa”, continuou Oliver, em outros trechos da conversa. Clique abaixo para escutar o episódio completo do podcast:

Captura De Tela 2022 08 04 222600
Capa do “Gilbert Gottfried’s Amazing Colossal Podcast” para reprodução do episódio com Michael Oliver. (Foto: Divulgação)

O ex-ator chegou a interpretar outros papéis ainda na infância. Ele fez uma ponta no filme “Forrest Gump” (1994) e também participou da série “Drexell’s Class”. Michael chegou a fazer curtas e produções televisivas, mas encerrou oficialmente a sua carreira como ator em 1996.

Siga o Hugo Gloss no Google News e acompanhe nossas notícias!