Famosos

Príncipe Harry fica com raiva e palácio se posiciona após apelido controverso dado a Meghan Markle pelos funcionários, diz jornal

Raquel Rodrigues - Publicado em 29/03/2019 às 13:50
Compartilhe: Compartilhar no Facebook Compartilhar no Twitter Compartilhar no Pinterest Compartilhar no Whatsapp Compartilhar no E-mail

O príncipe Harry não estaria nem um pouco feliz com o novo apelido dado à Meghan Markle. De acordo com uma fonte do jornal britânico The Sun, ele teria ficado chateado e com raiva ao saber da forma como funcionários reais têm chamado a sua esposa. Como nós havíamos falado aqui, a duquesa de Sussex  estaria sendo nomeada pela equipe do Palácio de Kensington de “Me-Gain”, uma mistura de Meghan com “migraine”, enxaqueca em inglês.

Ele ficou com raiva e chateado, mas também vai querer manter a cabeça baixa e proteger Meghan“, disse o informante. No entanto, o Palácio de Kensington negou à publicação, os relatos de que a duquesa de Sussex teria um relacionamento tenso com a sua equipe pessoal.

Príncipe Harry estaria com raiva dos apelidos dados a Meghan. (Foto: Getty)

Na revista Tatler, foi feita uma análise extensiva sobre a vida de Meghan desde a época de atriz até à ascensão à família real. De acordo com a publicação, uma das maiores críticas à duquesa, que já perdeu três funcionários desde seu casamento com o príncipe Harry, estaria ligada ao seu jeito “hollywoodiano” de ser: gosta de começar a trabalhar às cinco da manhã, manda muitas mensagens, é muito controladora. Por isso, o apelido de “enxaqueca”.

Vale lembrar que essa não é a primeira vez que Meghan ganha apelidos. Em novembro do ano passado, o jornal Daily Mail revelou que a equipe que trabalha com ela também a chamava de “Furacão Meghan”. O motivo seria que a duquesa de Sussex, desde a hora que acorda, às cinco da manhã, estaria determinada a fazer as coisas de seu jeito e daria pouca atenção às regras já estabelecidas pelas tradições da família real.

A última baixa na equipe de Meghan aconteceu agora em março, com o pedido de demissão da assistente e braço direito Amy Pickerill. De acordo com Daily Mail, a profissional ajudou a ex-atriz a se adaptar à vida na realeza e também a organizar projetos de caridade. Mesmo com as histórias dos apelidos, a publicação relatou que Amy está deixando o cargo com um boa relação com a duquesa e deve permanecer até que ela tenha dado à luz seu primeiro filho, previsto para nascer no final de abril ou início de maio.

Será que nos próximos meses Meghan vai ganhar mais apelidos?! Tomara que não! Mas, se acontecer, que sejam relativos a bons traços de sua personalidade…